Campeonato Paulista

Sem 'colocar a cabeça no buraco', Corinthians esquece o Inter e foca em clássico

O segundo jogo da semifinal contra o São Paulo dará vaga para a final do paulistão

13:10 · 21.04.2017 / atualizado às 13:27 por Estadão Conteúdo
Fabio Carille
Fabio Carille está comandando o Corinthians há quase quatro meses ( Foto: Daniel Augusto/ Ag. Corinthians )
A eliminação do Corinthians na Copa do Brasil já é coisa do passado, garante o técnico Fábio Carille. A derrota para o Internacional nos pênaltis, na última quarta-feira (19), foi esquecida pelos jogadores, que demonstraram rápida recuperação, e o foco total está no clássico com o São Paulo, domingo, no Itaquerão
 
“A eliminação nos deixou muito chateado, mas vida que segue. Não dá para fazer um buraco no chão e enfiar a cabeça. Vida que segue e já estamos recuperados para domingo. Ontem (quinta-feira) o elenco estava um pouco cabisbaixo, o que é natural, mas ficou até menos do que a gente imaginava. Agora, todos já estão focados novamente”, disse o treinador.
 
Como tem acontecido nas últimas semanas, Carille terá pouco tempo para trabalhar com os titulares no gramado. Na quinta e nesta sexta-feira, os jogadores que devem enfrentar o São Paulo não foram para o gramado. A única atividade deve ocorrer neste sábado.
 
“Já sabíamos que seria assim neste mês, com jogos decisivos nos quais fomos exibidos fisicamente e emocionalmente. Será nosso sétimo jogo seguido. Antes, fizemos três vitórias e três empates”, lembrou.
 
Carille garante que o clima entre os jogadores não ficou ruim após o jogo com o Internacional. Nos bastidores, a informação é de que o treinador ficou decepcionado com alguns atletas, em especial, Rodriguinho, pelo fato de ele não ter assumido a responsabilidade em cobrar um dos pênaltis diante dos gaúchos.
 
“O clima continua muito bom. Isso é mentira (chateação). É claro que quando se perde tem que se buscar muita coisa, mas os pênaltis são treinados desde a Florida Cup. Sempre fazemos um treino de pênalti pós-treino. Tem que ser assim pra saber quem esta bem”, comentou Carille.
 
Em relação ao time, a tendência é de que a formação seja a mesma dos jogos com o Inter e contra o São Paulo, no domingo passado. Pablo, com dores na coxa, trabalhou normalmente na academia, ao lado dos outros titulares, e deve ir a campo no treino deste sábado, quando Carille deverá confirmar a equipe com Cássio; Fagner, Pablo, Balbuena e Guilherme Arana; Gabriel, Maycon, Rodriguinho, Jadson e Romero; Jô.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.