Com eliminação do Brasil

Ronaldo diz que Neymar precisa tirar lições da Copa do Mundo

Fenômeno também pediu que o craque da Seleção Brasileira se importasse menos com os memes

08:29 · 11.07.2018 / atualizado às 08:30 por Folhapress
Neymar
Para o ex-jogador, Neymar precisa escutar as críticas para melhorar atitudes na carreira ( Foto: Jewel Samad/AFP )

O ex-atacante Ronaldo admitiu que Neymar teve um desempenho abaixo do esperado na Copa do Mundo, mas saiu em defesa do camisa 10 da Seleção Brasileira.

O comentarista da TV Globo relembrou que o atacante voltava de lesão e ressaltou que isso não foi levado em conta pela mídia e pelos críticos da estrela principal do Brasil.

"Devido às circunstâncias, ele não fez a melhor Copa que poderia ter feito. Acho que ele jogou limitado, não sei se pelo pé, pela operação ou outro problema, e não vi uma discussão sobre isso", disse Ronaldo em participação no "Seleção", do SporTV, nesta terça-feira (10).

"Tecnicamente, é muito difícil você chegar a uma Copa depois de três meses depois de uma operação e ser cobrado no primeiro jogo como se não tivesse acontecido nada. Isso são fatores que influenciam", afirmou.

Apesar da defesa, Ronaldo deu conselhos a Neymar. Para o ex-jogador, o camisa 10 precisa escutar as críticas para melhorar algumas atitudes na carreira. "O Neymar deve pegar essa Copa e tirar muitas lições para a própria evolução dele. É muito jovem, extremamente talentoso e carrega uma responsabilidade muito grande", disse o Fenômeno.

Alvo de memes e brincadeiras por causa de suas quedas, Neymar ganhou outro conselho de Ronaldo, que lembrou também ter sido alvo de piadas. "Na minha época não tinha memes, mas o 'Casseta & Planeta' vivia fazendo piada. No começo eu não gostava, mas depois percebi que quanto mais eu me importasse pior ia ser. Neymar tem que saber lidar com isso", declarou.

Confira a manifestação de Neymar nas redes sociais após a eliminação brasileira:

 

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.