2 meses

Médicos dizem que Gabriel Jesus sofreu uma lesão no joelho para se 'comemorar'

Foi a terceira lesão sofrida pelo brasileiro no intervalo de um ano

Médicos dizem que Gabriel Jesus sofreu uma lesão no joelho para se 'comemorar' ( Foto: AFP )
08:36 · 03.01.2018 por Estadão Conteúdo

A passagem pelo Manchester City tem feito o atacante Gabriel Jesus visitar um local antes incomum na carreira. O departamento médico virou rotina para o jogador, que mais uma vez ficará parado. A terceira lesão sofrida no intervalo de um ano deixou tanto o time inglês como a seleção brasileira preocupados com o período necessário para a recuperação, mas ao mesmo tempo aliviados, pois o problema é bem menos complexo do que poderia ser.

No último domingo, o atacante sofreu uma lesão no ligamento colateral medial do joelho esquerdo durante a partida contra o Crystal Palace, pelo Campeonato Inglês. Após ser avaliado, o jogador contou nas redes sociais que não vai precisar de cirurgia e demonstrou otimismo na rápida recuperação. “Graças a Deus não é uma lesão muito séria e não preciso passar por nenhum procedimento cirúrgico. Volto o mais rápido possível”, escreveu Gabriel Jesus.

Segundo especialistas ouvidos pelo Estado, o jogador, o Manchester City e a seleção brasileira têm motivos para comemorar, mesmo que a lesão no joelho esquerdo exija cuidados. O problema no ligamento colateral medial deve ser solucionado em no máximo dois meses.

“Das lesões possíveis no joelho, a que ele tem é a mais benigna” disse René Abdalla, ortopedista responsável pelo Instituto do Joelho do Hospital do Coração (HCor), em São Paulo. “O ligamento lesionado é dos pouquíssimos em que existe a cicatrização, porque é muito vascularizado. Então, dá para se tratar sem cirurgia”, explicou.

O médico afirmou que nos próximos meses Gabriel Jesus vai precisar ter paciência. Apesar de não ser grave, a lesão é uma das mais doloridas no joelho e implica uma rotina de fisioterapia e poucos movimentos. “É preciso imobilizar o local, para deixar o joelho em repouso. O paciente precisará andar com muletas e tomar analgésicos”, disse. O prazo estimado de recuperação nestes casos é de seis a oito semanas.

A situação do atacante tranquilizou o Manchester City e principalmente a Seleção brasileira. Titular absoluto do técnico Tite, o jogador correria o risco de perder a Copa do Mundo na Rússia caso tivesse sofrido uma lesão grave. A CBF está atenta ao problema de Gabriel Jesus e tem conversado com os médicos do clube inglês para acompanhar as etapas de recuperação.

Se a estimativa de dois meses de recuperação se confirmar, o jogador está liberado até para participar dos próximos amistosos da seleção brasileira. No fim de março, Tite comanda a equipe nas partidas contra Rússia e Alemanha, as duas últimas antes da convocação final para a Copa do Mundo. Por outro lado, o atacante deve perder o primeiro jogo das oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa.

A terceira lesão sofrida por Gabriel Jesus neste primeiro ano completado como jogador do Manchester City deve ser a menos complexa para tratar. Tanto a primeira, uma fratura no pé direito, como a segunda, fratura na face, exigiram intervenção cirúrgica.

O problema no joelho coincide com um período difícil dele no clube. Sem marcar desde 18 de novembro, Gabriel Jesus perdeu espaço no time titular e não fez gol nos 10 últimos jogos.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.