Campeonato Cearense

Marquinhos Santos aponta erros e diz que foco é o acesso à Série B

Tricolor do Pici estreia na competição nacional, no dia 14 de maio, contra o Remo-PA, no Mangueirão

14:52 · 20.04.2017 / atualizado às 15:51
Marquinhos Santos
Marquinho Santos havia falado, no início da temporada, que o foco do clube era o título estadual ( Foto: JL Rosa )

O Fortaleza se despediu do Campeonato Cearense, nessa quarta-feira (19), após empate sem gols com o Ferroviário, no terceiro jogo das semifinais, disputado na Arena Castelão.  Para o técnico do Leão, Marquinhos Santos, o time dominou o Clássico das Cores, mas não conseguiu aproveitar as chances de gol. Após a eliminação, o comandante apontou erros e caracterizou o acesso à Série B do Brasileiro como objetivo principal.  

"O time teve volume, teve 'n' oportunidades. Faltou competência e tranquilidade para que se pudesse concluir a última bola em gol. Acredito que o time apresentou uma melhora e evolução desde o meu primeiro jogo. É um time que propõe o jogo, mas, infelizmente, não foi o tempo necessário para se corrigir todo o erro que teve desde o começo", disse o treinador.

O foco se volta para a disputa da Série C do Campeonato Brasileiro, que tem início dia 14 de maio, contra o Remo-PA, no Mangueirão, em Belém. Para a competição, Marquinhos Santos falou das possíveis mudanças para a conquista do tão sonhado acesso, após oito anos.

"Agora é hora de fazer a avaliação com cabeça fria e reorganizar toda a estrutura do clube para que se possa entrar firme na Série C e alcançar o principal objetivo, que é o acesso para a Série B. O ano tem que recomeçar agora. Não dá para colocar uma pedra em cima e apagar tudo. Vale para avaliação de todos nós. Não há culpados, mas todos têm sua parcela de responsabilidade. Não tive a competência de reorganizar a equipe para que pudesse alcançar essa classificação. Eu tenho minha parcela, os jogadores, a diretoria e a presidência também têm", declarou Marquinhos Santos.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.