Mercado

Janela de transferência causa temor em clubes da Série A

Vinicius Júnior, Rodrygo e Apodi são alguns dos jogadores que devem se transferir ao futebol do exterior após a Copa

17:38 · 12.06.2018 / atualizado às 17:52
rodrygo
Jovem revelação santista, Rodrygo Goes pode se transferir ao Real Madrid no final de 2019. ( Foto: Santos FC )
Com a proximidade do mês de julho, os clubes brasileiros vão se preocupando com a abertura da janela de transferência para o futebol do exterior. Times maiores e com muito mais dinheiro buscam reforçar suas equipes e sempre olham para os jogadores do Brasil quando o assunto é apostar em uma jovem promessa.
 
O atacante Vinícius Júnior, revelação e destaque no time do Flamengo, tem apenas 17 anos e foi vendido ao Real Madrid em maio de 2017 por 45 milhões de euros, cerca de R$164 milhões. Apesar de ter contrato até o final do próximo ano com o time carioca, a jovem promessa rubro-negra deve se transferir à equipe merengue após a Copa do Mundo.
 
Outra sensação do futebol brasileiro é o jovem atacante Rodrygo Goes, que também tem 17 anos de idade, e deve ser a próxima revelação do Santos a ir jogar no futebol europeu. O Real Madrid, que já comprou Viníus Jr, fez uma proposta ao clube paulista no valor de 50 milhões de euros, cerca de R$218 milhões.
 
Jogadores mais experientes Marcos Guilherme, ex-Atlético/PR, e Anselmo, ex-Internacional/RS, acertaram com Al Wheda, da Arábia Saudita, e irão jogar no time comandado pelo técnico brasileiro Fábio Carille, ex-Corinthians, depois da Copa. Roger Guedes, que está emprestado pelo Palmeiras ao Atlético MG, também deve integrar a equipe de Carille. Já o atacante Keno, do Palmeiras, deve ir ao Al Nasser, também da Arábia Saudita.
 
apodi
 
O lateral-direito Apodi, da Chapecoense, recebeu propostas do exterior e não viajou a Belo Horizonte/MG para enfrentar o América MG nesta terça-feira (12). Segundo a assessoria do clube catarinense, o motivo da ausência do jogador na partida seria uma preservação ao atleta devido a possíveis negociações com clubes do de fora do país. Apodi jogou no Kuban Krasnodar, da Rússia, em 2016.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.