Opinião

Ex-jogador Van Basten diz que Neymar faz pessoas rirem durante as partidas

Holandês também cobrou uma mudança de comportamento do jogador

Van Basten chamou de "patético" o que Neymar faz quando sofre uma falta ( Foto: AFP )
08:43 · 12.07.2018 por Folhapress
Neymar foi alvo de críticas durante a Copa por simulações exageradas. ( Foto: Saeed Khan/AFP )

Diretor de desenvolvimento técnico da Fifa, o ex-jogador holandês Marco Van Basten ironizou as quedas e simulações de Neymar durante a Copa do Mundo e cobrou uma mudança de comportamento do atleta no futuro. As atitudes do número 10 da Seleção Brasileria e o exagero ao sofrer faltas viraram memes e piadas por todo o planeta.

"É sempre bom ter humorismo no jogo, ele faz as pessoas rirem", ironizou o holandês, que na Copa da Rússia faz parte do grupo de estudos técnicos da Fifa. Depois, Van Basten cobrou uma mudança de comportamento do jogador daqui em diante.

"Não é uma boa atitude em geral. Você tem de tentar fazer o seu melhor e se você está atuando muito as pessoas vão ver e isso não vai ajudar em nada. Na minha opinião pessoal, ele tem de entender esta situação", disse Van Basten, campeão europeu em 1988 e um dos principais atacantes da história do Milan.

Durante a Copa do Mundo, Neymar recebeu muitas críticas por conta das simulações de faltas e reclamações com a arbitragem. Contra a Costa Rica, em partida válida pela segunda rodada, o atacante viu a marcação de um pênalti sobre ele ser revertida pelo árbitro holandês Bjorn Kuipers após consultar o VAR (árbitro assistente de vídeo). Ele foi criticado também pela reação, considerada exagerada, depois de sofrer um pisão do mexicano Layún.

"É absolutamente patético. Ninguém duvida das suas habilidades, é um jogador magnífico. Ainda assim, é realmente patético quando começa a rolar como se estivesse em agonia. Por que ele acha que precisa fazer isso?", questionou o britânico Alan Shearer.

Coordenador do grupo de estudos técnicos da Copa, Carlos Alberto Parreira saiu em defesa de Neymar.

"O Neymar dentro de campo é muito agredido também. Ele realmente atrai essa mídia toda, mas para nós o que realmente importa é que ele faz a diferença", disse.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.