Campeonato Italiano

Com virada no fim e gol de Douglas Costa, Juventus vence Inter e segue líder

Com o resultado, a Juventus alcança a liderança com 88 pontos

18:51 · 28.04.2018 por Folhapress
01
A Juventus conseguiu a vitória com dois gols nos últimos minutos do segundo tempo ( Foto: Marco Bertorello / AFP )

A Juventus conseguiu uma vitória épica contra a Inter de Milão neste sábado (28). Depois de abrir o placar e tomar a virada, o time de Turim conseguiu marcar um gol aos 42 minutos do segundo tempo e outro aos 44 minutos e venceu a partida por 3 a 2, no estádio Giuseppe Meazza, em jogo válido pela 35ª rodada do Campeonato Italiano.

Com o resultado, a Juventus chega a 88 pontos na liderança e abre quatro de vantagem em relação ao segundo colocado, o Napoli, que joga neste domingo (29) contra a Fiorentina, fora de casa. Se vencer, o time de Nápoles volta a ficar a apenas um ponto da equipe de Turim.

Já a Inter se complica na luta por uma vaga na Liga dos Campeões. O time de Milão é o quinto colocado com 66 pontos, um a menos do que a Lazio, que ocupa a quarta e última posição da zona de classificação para o torneio europeu. A equipe da capital italiana joga neste domingo contra o Torino, em Turim.

A Juventus abriu o placar com Douglas Costa e teve a vida facilitada com a expulsão de Vecino, aos 18 minutos do primeiro tempo. A Inter, porém, se superou e conseguiu a virada com gols de Icardi e Barzagli, contra. No fim da partida, o time visitante acordou e virou graças a Cuadrado e Higuain.

Mesmo fora de casa, a Juventus começou o jogo bem melhor. O time visitante manteve a posse e rodou a bola pelos lados. Aos 13 minutos do primeiro tempo, sem forçar muito, conseguiu abrir o placar. Cuadrado cruzou da direita e Matuidi não conseguiu finalizar de cabeça. A bola, porém, parou em Douglas Costa, que dominou e chutou de esquerda para as redes. Handanovic nem pulou. O árbitro de vídeo (VAR, na sigla em inglês) entrou em ação para confirmar o gol, que foi legal.

As coisas se complicaram de vez para a Inter de Milão cinco minutos depois do gol de Douglas Costa. Vecino deu uma entrada muito forte em Mandzukic. O árbitro da partida resolveu ver o replay da jogada. Em seguida, mostrou o cartão vermelho para o volante pela violenta falta. Já no fim do primeiro tempo, a Juventus anotou o segundo gol com Matuidi. No entanto, após consultar o VAR, o árbitro anulou.

Depois da expulsão, a Inter se preocupava apenas em se defender. Mas ao ver uma Juventus acomodada em campo, passou a acreditar no empate. Ainda no primeiro tempo, quase conseguiu o empate num chute forte de Candreva em que Buffon teve que se virar para espalmar para escanteio. Depois do intervalo, o time da casa conseguiu marcar num lance de bola parada. Aos sete minutos do segundo tempo, Icardi aproveitou um cruzamento e cabeceou para as redes.

Uma virada parecia quase impossível, já que tinha um jogador a menos desde os 18 minutos do primeiro tempo. Porém, a equipe conseguiu se superar. Aos 20 minutos, Perisic fez ótima jogada pela esquerda (deixou Cuadrado no chão) e cruzou rasteiro para a área. Barzagli tentou cortar, mas mandou a bola para as próprias redes.

A Juventus, então, foi para o abafa. Dybala quase conseguiu o empate em uma cobrança de falta que Handanovic teve que se esticar todo para espalmar para escanteio. Porém, aos 41 minutos, ele não conseguiu fazer a defesa num chute cruzado de Cuadrado, que deixou tudo igual após uma bela jogada individual.

Tudo parecia resolvido, mas a Juventus conseguiu a virada aos 44 minutos. Após uma cobrança de falta de Dybala, Higuain cabeceou para as redes para loucura da torcida visitante e até mesmo do técnico Massimiliano Allegri, que acabou expulso.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.