Série B

Com gol nos acréscimos, Ceará empata com Figueirense e chega ao 8º jogo sem perder

Mais de 38 mil pessoas viram os gols de Lima e Pio. O Vovô chega aos 55 pontos e dorme na vice-liderança da Série B

Time conseguiu gol no último lance da partida. ( FOTO: JL Rosa )
22:50 · 20.10.2017 / atualizado às 23:03
O Ceará conseguiu empatar com o Figueirense aos 49 minutos do 2º tempo, com um golaço de Pio cobrando falta e segue a série invicta na competição. O placar final foi 2 a 2. Agora são oito partidas sem ser derrotado no certame. Com o resultado, o Vovô chega aos 55 pontos e dorme na vice-liderança da Série B. Os outros gols da noite foram marcados pelo volante Dudu Vieira, um aos 3 minutos do 1º tempo e outro no 2º tempo para os catarinenses, e Lima fez o primeiro tento do Alvinegro, no início da etapa inicial. 
 
Agora, o Alvinegro viaja a Porto Alegre onde terá pela frente o Internacional, sábado (28), às 16h30 (horário cearense), no Beira-Rio, pela 32ª rodada. Um dia antes, na sexta (27),o Figueirense recebe o CRB, no Orlando Scarpelli, às 18h15 (horário cearense) em confronto direto para fugir da zona do rebaixamento. 
 
Início fulminante
 
Após cinco jogos sem ter sua defesa vazada, o Alvinegro de Porangabuçu foi superado por Dudu Vieira logo nos primeiros minutos de partida. Aos 3 minutos,  o veterano Jorge Henrique acertou um belo lançamento em profundidade para Vieira arrematar cruzado e vencer Éverson. Logo depois, o Ceará mostrou rápido poder de reação e chegou ao seu empate aos 5 minutos, quando Ricardinho cobrou falta, a defesa protagonizou uma lambança, afastou mal, sobrou para Lima fuzilar e dar números iguais.  
 
Aos 21, Ricardinho cobrou nova falta, Rafael Pereira - de frente para o gol de Saulo - finalizou, mas o árbitro assinalou falta no lance. Aos 26, Éverson, de volta ao time após ficar de fora da vitória por 1 a 0 diante do Paraná por cartão amarelo, realizou grande intervenção após finalização de fora da área de Dudu Vieira. Aos 35, Lima recebeu cruzamento, cabeceou, a bola resvalou no braço do defensor do Figueirense e a torcida ficou pedindo pênalti. Aos 44, Romário deu ótimo passe para Pedro Ken que penetrava na área, mas o atleta alvinegro acabou furando. 
 
Pio providencial
 
Pelo lado do Ceará, aos 8 minutos da etapa final, em reedição do gol marcado contra o Paraná, Lima descolou belo lançamento para Leandro Carvalho, que entrava cara a cara com o goleiro Saulo e finalizou para o fundo das redes. Contudo, o assistente apontou posição irregular e invalidou o tento. Aos 28 minutos, o goleiro Saulo fez uma ótima defesa em um tirambaço de fora da área de Leandro Carvalho, um dos destaques pelo lado do time cearense
 
A equipe catarinense ficou novamente na frente do placar aos 36 minutos, quando Dudu Vieira, o vilão do alvinegro cearense da noite, acertou um chute cruzado no cantinho de Éverson. A marcação ainda tentou abafar a conclusão, mas o volante concluiu com extrema categoria. A Arena Castelão ficou em silêncio por alguns minutos e logo voltou a incentivar o Vozão em busca do empate. 
 
Aos 39, Chamusca mandou a campo Pio no lugar de Tiago Cametá justamente para explorar lances de bola parada. O primeiro duelo entre Pio e Saulo ocorreu aos 45 minutos, melhor para o arqueiro. Depois, aos 49, no último lance da partida, Pio acertou um belíssimo chute, a curva surpreendeu Saulo e parou no fundo das redes. Delírio no Castelão e pontinho precioso em virtude do que foi a partida. Agora é enfrentar Internacional e Juventude em terras gaúchas e impor a ótima campanha como visitante para trazer bons resultados. 
 
O Ceará não sabe o que é perder desde o dia 9 de setembro, quando foi derrotado pelo Londrina, por 3 a 2, fora de casa. De lá para cá, aconteceram mais oito jogos, com cinco vitórias e três empates
 
A última derrota como mandante ocorreu ainda no 1º turno, no dia 21 de julho, quando foi superado por 1 a 0 pelo Goiás. De lá pra cá, o Alvinegro de Porangabuçu venceu o Criciúma por 3 a 1; o CRB por 1 a 0; o Náutico também por 1 a 0; empatou com o América/MG em 1 a 1; venceu o Brasil de Pelotas por 2 a 1, bateu o Vila Nova por 2 a 0; o Paraná por 1 a 0 e empatou com o Figueirense em 2 a 2. Totalizando assim 6 vitórias e 2 empates. Marcou 13 gols e sofreu apenas 4 tentos nessa série de jogos em solo cearense.
 
 
Público
 
Público pagante: 37.347
Não pagante: 924
Total: 38.271
Renda: R$ 696.841,00

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.