Avassalador

Com 3 de Coutinho, Liverpool faz 7 no Spartak e avança na Liga dos Campeões

O time inglês encerrou a campanha na fase de grupos com a primeira colocação do Grupo E, com 12 pontos

O brasileiro Coutinho brilhou no massacre do Liverpool por 7 a 0 sobre o Spartak Moscou ( Foto: Divulgação/Twitter Liverpool )
18:55 · 06.12.2017 por Estadão Conteúdo
Com um show dos brasileiros Philippe Coutinho e Roberto Firmino, o Liverpool não tomou conhecimento do Spartak Moscou nesta quarta-feira. Jogando em casa, no Anfield Road, o time inglês aplicou 7 a 0 no rival russo, sacramentando com estilo a vaga nas oitavas de final da Liga dos Campeões. 
 
Coutinho foi o principal destaque da partida. Ele marcou nada menos que três gols e participou das principais jogadas ofensivas da equipe anfitriã. Firmino anotou um gol e uma assistência, também com presença decisiva no ataque. O senegalês Sadio Mané brilhou com dois gols. 
 
A grande vitória sacramentou a classificação do Liverpool, que deixara escapar a vaga antecipada na rodada passada, ao ceder empate ao Sevilla, após abrir 3 a 0 no placar. O time inglês encerrou a campanha na fase de grupos com a primeira colocação do Grupo E, com 12 pontos. 
 
A segunda colocação ficou com o próprio Sevilla, apesar do morno empate com o Maribor, por 1 a 1, na Eslovênia. O brasileiro Paulo Henrique Ganso entrou em campo no segundo tempo para marcar o único gol da equipe espanhola na partida. O Sevilla terminou a fase com nove pontos. Com 6, o Spartak Moscou ficou em terceiro e vai disputar a Liga Europa. 
 
Em Liverpool, o time da casa tratou de se impor em campo logo no terceiro minuto da partida. Salah sofreu falta dentro da área e Coutinho converteu a penalidade com categoria. Onze minutos depois, o mesmo Salah tabelou com Firmino, que acionou Coutinho para finalizar para as redes.
 
Impondo forte ritmo ao jogo, o Liverpool chegou ao terceiro gol aos 19 minutos. Salah bateu de dentro da área, a bola pegou no braço do defensor e Firmino aproveitou o rebote finalizando para o gol. 
 
No segundo tempo, o time inglês ampliou a vantagem com dois gols em apenas três minutos. Mané marcou o seu primeiro na partida aos dois minutos. E, na sequência, Coutinho deixou sua marca pela terceira vez no confronto. 
 
Diante de um limitado Spartak Moscou, sem oferecer qualquer resistência ou ameaça desde a metade do primeiro tempo, o Liverpool ainda marcou mais duas vezes nos minutos finais do duelo, com Mané e Salah. 
 
Racismo
 
Antes da partida, a diretoria do Liverpool denunciou suposto caso de racismo ocorrido na partida preliminar, pela liga juvenil da Uefa, de categoria sub-17. O jogador Rhian Brewster, do time juvenil da casa, disse ter recebido ofensas raciais de um rival do Spartak. O incidente teria acontecido nos minutos finais do confronto juvenil, que também terminou com vitória do Liverpool, por 2 a 0.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.