Campeonato Cearense

Chamusca: faltou 'maturidade' para o Ceará no empate contra o Iguatu

Treinador também disse que irá conversar com Arthur sobre expulsão

15:08 · 14.03.2018 / atualizado às 15:21
Chamusca
Marcelo Chamusca acha que um pouco mais de experiência poderia ter valido os 3 pontos contra o Iguatu ( Foto: Arquivo )

Um jogo que valeu um ponto para o Vovô, mas que trouxe uma lição importante para o time no decorrer da temporada: não pode vacilar no fim do jogo, nem perder a cabeça. Esse foi recado do técnico Alvinegro, Marcelo Chamusca, que acredita que 'faltou maturidade' para a equipe no empate em 3 a 3 com o Iguatu.

"Faltou para nós um pouco mais de maturidade para segurar a bola quando estava 3 a 2 no campo do adversário. Teve uma falta no campo adversário que a gente poderia ter trabalhado melhor, aonde o Raul enfrentou o goleiro e depois o Roberto", analisou.

Esta não foi a única lição a qual Chamusca tirou do jogo contra o time interiorano. No início do segundo tempo, Arthur empurrou um atleta do Azulão e foi expulso, deixando a equipe sem referência no ataque.

Sobre o episódio, o treinador alvinegro disse que vai conversar com o atacante sobre o ocorrido. "Ele se desequilibrou na hora do lance. É um atleta novo, um atleta jovem. Eu sempre falo isso com relação ao Arthur. Ele vai vivenciar várias situações na sua carreira. Ele se precipitou um pouquinho, perdeu o equilíbrio. O que não é normal. Ele é um jogador muito tranquilo. A gente vai conversar com o atleta para que isso não volte a acontecer".

Com o empate, o Ceará ficou na segunda posição da tabela da segunda fase do Estadual, com 5 pontos somados. Ainda terá duas partidas pela frente: contra Uniclinic, no próximo sábado, às 19h, na Arena Castelão, e contra o Floresta, dia 22, às 21h, no Presidente Vargas.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.