Fazendo história

Cearense Raffael marca 2 gols e leva time alemão à fase de grupos da Liga dos Campeões

O meia-atacante nascido em Fortaleza é dos artilheiros e uma das principais peças na campanha histórica do Mönchengladbach

11:01 · 18.05.2015

Cearense de 30 anos fez história com a camisa 11 do Mönchengladbach. FOTO: Divulgação

O cearense Raffael entrou para a história do Borussia Mönchengladbach, da Alemanha, ao marcar os 2 gols da vitória sobre o Werder Bremen, no último sábado (16), que selaram a classificação do clube para a fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa.

Vice-campeão europeu em 1977, o Mönchengladbach chega à fase de grupos do novo formato da competição (implantado em 1992) pela primeira vez.

O meia-atacante cearense se posicionou bem dentro da área para aproveitar duas ótimas oportunidades que caíram nos seus pés, aos 8 e aos 40 minutos da segunda etapa da partida, e colocar a bola para o fundo das redes.

Eleito um dos melhores meias da Bundesliga (o Campeonato Alemão) no 1º turno, Raffael chegou a 11 gols na competição, o brasileiro que mais marcou nesta temporada 2014/2015 e o artilheiro da equipe, ao lado dos companheiros Hermann e Kruse.

Com a vitória, o Mönchengladbach chegou a 66 pontos e assegurou a 3ª posição, a 2 pontos do 2º, o Wolfsburg, e a 10 do campeão antecipado, o Bayern de Munique. O Bayer Leverkusen, com 61 pontos, não alcança mais as 3 vagas direta para a fase de grupos do principal torneio europeu.

Na última rodada, a equipe de Raffael encara o Augsburg, em casa, para celebrar a conquista.

Conheça a história de Raffael

Raffael nasceu em Fortaleza, em 28 de março de 1985, mas nunca atuou em um clube profissional da “terrinha”. Em 2003, ele foi levado ao futebol suíço, onde conseguiu despertar o interesse dos alemães.

Depois de passagens por Hertha Berlim e Schalke 04, o cearense foi contratado pelo Monchengladbach, clube em que atua desde 2013.

Raffael é filho do ex-jogador Caetano, que atuou tanto pelo Ceará como pelo Fortaleza, e é irmão do lateral-esquerdo Ronny, com quem atuou ao lado nos tempos de Hertha Berlim.

Comentários


Li e aceito os termos de regulamento para moderação de comentários do site.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.