Ação social

Ceará participa de arrecadação de brinquedos no Castelão

Iniciativa em parceria com o projeto Sorriso Largo acontece no próximo sábado (15), durante a partida contra o Vitória/BA

Todo o arrecadado será doado no dia 12 de outubro ( Foto: divulgação )
13:02 · 12.09.2018

A próxima partida do Ceará na Série A do Campeonato Brasileiro promete ser especial. Não só por se tratar de um clássico nordestino ou de uma chance do Vovô sair da zona de rebaixamento, a partida diante do Vitória/BA, no próximo sábado (15), vai ficar marcada também por uma ação social de arrecadação de brinquedos entre o clube alvinegro e o projeto Sorriso Largo, cujo o slogan é “Sabe quanto vale um brinquedo? Um sorriso largo de criança”.

A iniciativa vai acontecer na Arena Castelão, palco do jogo, a partir das 14h. Uma equipe estará presente no estádio para captação dos brinquedos, que serão distribuídos para 30 entidades, como o Lar Amigos de Jesus, Lar da Criança Domingos Sávio e Instituto Moreira de Sousa. Uma ação de incentivo à doação também será realizada no dia da partida com foca nas redes sociais.

Todo o arrecadado será doado no dia 12 de outubro durante solenidade no 23ª Batalhão dos Caçadores. Para além da jogo do Vovô, os interessados podem realizar as doaçãos até 21 de setembro nos seguintes locais:   

- Agências da CAIXA

- Bezerra & Oliveira

- FIEC

- NPI Soluções

- SECOVI

- Supermercado Lagoa

- Tribunal de Justiça do Ceará

- Unidades do LabPasteur

- Unimagem

Histórico

Em 11 anos de campanha do projeto Sorriso Largo, já foram arrecadados mais de 93 mil brinquedos, beneficiando mais de 350 projetos e instituições beneficentes. A campanha é organizada também pelo 23ª Batalhão dos Caçadores, ACERT, Caixa Econômica Federal, Casa de Vovó Dedé, Bezerra & amp; Oliveira, Expressão Gráfica, LabPasteur e Unimagem, Mudanças Granero, NP Informática, SECOVI, Sistema FIEC, Supermercado Lagoa, Tribunal de Justiça do Ceará e ViaDigital.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.