Continuidade

Ceará acerta permanências de Pedro Ken e Ricardinho para 2018

Atletas foram peças fundamentais na formação do técnico Marcelo Chamusca na campanha do acesso à Série A

Ricardinho e Pedro Ken foram peças fundamentais na ideia de jogo do técnico Marcelo Chamusca na campanha do acesso à Série A ( Foto: JL Rosa )
18:22 · 06.12.2017 / atualizado às 18:49

Por meio de seu site oficial, o Ceará comunicou as permanências de duas peças fundamentais na campanha da Série B 2017. Pedro Ken e Ricardinho renovaram com o Alvinegro por mais uma temporada e farão parte do grupo nas disputas do Campeonato Cearense, Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Série A. 

Após passagem pelo futebol árabe, Ricardinho regressou ao Vovô. Ao longo do ano, o meia assinalou dois tentos, atuou em 24 partidas como titular e 8 entrando no transcorrer da partida. Ao site do clube, o atleta externou toda a sua felicidade com a prorrogação contratual. "Estou muito feliz em ter renovado com o Ceará por mais uma temporada. Eu sabia que não teria dificuldade com essa renovação. Por minha vontade de permanecer e pela vontade do Clube também, resolvemos isso muito rápido. Estou muito motivado para 2018 e espero fazer um grande ano com essa camisa", encerrou. 

Já Pedro Ken chegou após temporadas atuando pelo Terek Grozny, da Rússia. O atleta desembarcou em Porangabuçu em março de 2017 e logo de cara participou da campanha do título estadual e da conquista do acesso, sendo titular e peça chave do time de Chamusca. Na temporada, Ken anotou 3 gols, disputou 39 partidas, sendo 34 como titular.

Também ao site oficial do Vovô, Pedro Ken ressaltou a identificação criada com o clube em um curto espaço de tempo. "Acabei criando uma identidade com o clube e sou muito grato pelas portas que ele me abriu para que eu pudesse voltar ao Brasil. Conseguimos conquistar os objetivos que foram traçados e o projeto do clube ocorreu como a gente previu", finalizou. 

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.