fórmula 1

Hamilton tem chance de abrir vantagem na liderança

00:00 · 12.05.2018
Lewis Hamilton
Lewis Hamilton lidera o mundial de pilotos com 70 pontos. Ele é seguido por Sebastian Vettel (66 pontos) e Kimi Raikkonen (48 pontos) ( Foto: AFP )

O inglês Lewin Hamilton tem excelente oportunidade de abrir sua vantagem na liderança do mundial de pilotos da fórmula 1 neste domingo (13), no GP da Espanha, em Barcelona. A corrida acontece em Barcelona e terá início às 10h10.

Vencedor da última prova, realizada no Azerbaijão, o piloto da Mercedes lidera o campeonato com 70 pontos. Ele é seguido pelos pilotos da Ferrari, Sebastian Vettel (66 pontos) e Kimi Raikkonen (48 pontos).

A prova deste domingo também é um recomeço para os pilotos Daniel Ricciardo e MMax Verstappen, ambos da RBR. No GP do Azerbaijão, eles se envolveram em um acidente no final da corrida, que tirou ambos da corrida, numa das cenas consideradas mais bizarras da história da Fórmula 1.

Na tentativa de repetir esse desempenho, Hamilton foi o mais rápido no segundo treino no Circuito da Catalunha. Após ser o segundo colocado na primeira atividade, o britânico da Mercedes melhorou na sessão que fechou o dia e registrou a marca de 1min18s259 na melhor volta entre todos os pilotos.

A Red Bull, porém, chegou perto da Mercedes no segundo treino livre, após a equipe conseguir uma dobradinha na sessão inicial. E o australiano Daniel Ricciardo foi o mais rápido, com o tempo de 1min18s392, na segunda posição. Logo depois, em terceiro, veio o holandês Max Verstappen, com 1min18s533.

O alemão Sebastian Vettel, da Ferrari, foi o quarto colocado com a marca de 1min18s585. E só aí apareceu Bottas, que havia liderado a primeira atividade com o tempo de 1min18s148 e fez apenas 1min18s611 na segunda sessão. Assim, terminou o treino final da sexta-feira em quinto lugar, ainda que a sua marca da primeira sessão tenha sido a melhor do dia.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.