gols de Mbappé e Giroud

França vence Holanda pela Liga das Nações

00:00 · 10.09.2018
Image-0-Artigo-2451057-1
O atacante Giroud, que passou a Copa do Mundo inteira sem marcar, fez o segundo gol da França na vitória contra a Holanda ( FOTO: AFP )

A Seleção Francesa segue em festa com o seu torcedor. Ontem, no seu primeiro compromisso como mandante após a conquista do título da Copa do Mundo da Rússia, a equipe derrotou a Holanda por 2 a 1, em duelo disputado no Stade de France. O confronto foi válido pelo Grupo 1 da Liga da A da Liga das Nações.

A França havia estreado na recém-criada competição da Uefa com um empate por 0 a 0 contra a seleção alemã. Assim, chegou aos quatro pontos na chave após dois jogos disputados. Com apenas uma partida realizada, os alemães estão com apenas um ponto, enquanto os holandês seguem zerados.

O duelo deste domingo opôs duas seleções em momentos opostos. Os franceses, em ritmo de festa, convocaram 22 dos 23 jogadores que foram campeões mundiais na Rússia, com a exceção de Lloris, lesionado. Já a seleção holandesa entrou com um time formado basicamente por jovens, em busca da renovação após nem conseguir a classificação à Copa do Mundo.

Na entrada em campo no Stade de France, os jogadores foram saudados pelos torcedores com um mosaico que relembrou a recente conquista mundial. E os torcedores não demoraram a festejar. Aos 13 minutos, após uma bola mal recuada de cabeça pela Holanda com Wijnaldum, Matuidi pegou a bola e tocou no meio para Mbappé, que só precisou empurrar a bola às redes.

Só que a Holanda conseguiu reagir e arrancou o empate na etapa final, aos 21 minutos.

Volta por cima

Só que a França conseguiu a vitória graças ao seu atacante que mais decepcionou na Copa: Giroud. Após passar em branco durante toda a vitoriosa campanha na Copa da Rússia, ele viu Mendy fazer cruzamento e se antecipou ao marcador para dar um belo toque e fazer 2 a 1 para os campeões mundiais aos 29 minutos do segundo tempo.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.