coluna

Tom Barros: Sampaio, sem mistérios

tomb

Tom Barros

tom@diariodonordeste.com.br • Colunista da editoria Jogada.

00:00 · 15.02.2018

O Ceará jogou em pleno sábado gordo. Usou time alternativo para ganhar, de virada (2 x 1), do Horizonte. O Sampaio também jogou em pleno sábado gordo. Usou time alternativo para ganhar do Santa Quitéria (1 x 3) pelo Campeonato Maranhense. Quer queiram, quer não, é uma ginástica estar colocando em campo times com variadas formações, apesar da preservação do chamado time principal. Hoje, em São Luís, o Vozão, com seis pontos (100% de aproveitamento), defende a liderança do Grupo D. Seu adversário, o Sampaio Corrêa, vice-líder com ótima campanha, tem quatro pontos. Estreou bem com empate (1 x 1) fora de casa, no "Rei Pelé", diante do CSA, e meteu 4 a 0 no Salgueiro em São Luís. Assumiu a liderança do "estadual" (7 pontos).

Conhecidos

No Sampaio, vários atletas bem conhecidos do futebol cearense: César Sampaio (Tiradentes, Icasa, Floresta), Fernando Sobral (Guarany/S, Atlético/GO, Floresta, Horizonte) e Reginaldo Júnior (Fortaleza Horizonte, Tiradentes, Icasa, Ferroviário). O técnico é Francisco Diá, que subiu o Icasa para a Série B.

Composição

Embora Marcelo Chamusca insista em dizer que não há times "A", "B" ou "C" no Ceará, pois no seu entendimento todos são do time principal, a formação mais predominante do Vozão tem sempre Everson, Luís Otávio, Richardson, Ricardinho, Pedro Ken, Felipe Azevedo, Elton e Andrigo...

Recordando

Image-0-Artigo-2362174-1

10 de janeiro de 2006. Treino do Ferroviário. A partir da esquerda: Santana e Stênio. Hoje, 12 anos depois, não encontrei informações sobre onde anda José Santana. Já José Stênio Ribeiro Assunção, que foi tricampeão cearense pelo Ceará (1996/97/98), encerrou a carreira no Horizonte em 2012. Stênio está com 45 anos de idade.

Experiência

O modelo 3-5-2, adotado pelo técnico do Fortaleza, Rogério Ceni, correspondeu no primeiro teste, quando da vitória sobre o Guarani/J. Os alas inclusive fizeram gols. Tinga marcou dois e Leonam assinalou um. Apenas Edinho e Alípio não se mostraram à vontade. Para início de experiência, foi tudo dentro da expectativa.

Avaliação

A respeito do tópico ao lado, cabe uma observação: a qualidade do Guarani em crise. Será necessário um teste diante de uma equipe mais forte, capaz de não apenas impor resistência, mas em condições de explorar fragilidades que o time tricolor possa apresentar. Só futuros testes definirão melhor.

Espetacular

Pio continua senhor absoluto dos chutes monumentais. Na vitória sobre o Horizonte, o lance espetacular, de rara beleza, teve Pio e o goleiro Gustavo como protagonistas. De Pio o tradicional canhão. De Gustavo a defesa em que mostrou reflexo e elevada precisão, mandando a bola para escanteio.

Força, Ferrão! Há que se reconhecer o favoritismo do Sport no jogo de hoje diante do Ferroviário pelo Copa do Brasil. Em casa, com maior elenco e estrutura, é natural que o Sport assim seja olhado. Mas o Ferroviário pode surpreender. Cabe ao técnico Ademir Fonseca utilizar modelo tático adequado às circunstâncias. Cauteloso, mas sem ser covarde. Será a força coral diante do seu maior desafio dos últimos anos. A Copa do Brasil é a cara dos resultados imprevisíveis.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.