Tom Barros

tomb

Tom Barros

tom@diariodonordeste.com.br • Colunista da editoria Jogada.

00:00 · 10.02.2015

Inquietações alvinegras

As duas recentes apresentações do Ceará provocaram inquietações na torcida. A despeito da boa qualidade do elenco, o time não conseguiu em campo impor-se como superior aos adversários. Exceto na goleada aplicada no Guarany/S, os demais resultados foram produto de desempenhos sem brilho, muito aquém do que se espera de uma equipe com elevada folha de pagamento. Como ainda há jogadores em início de trabalho, caso por exemplo de William e Marcos Aurélio, pode ser que o time nos próximos jogos alcance um padrão claro, bem definido. No momento, porém, há uma busca e dúvidas a superar. Não há sequência rápida nos lances. O jogador ao receber a bola ainda procura o que fazer. Assim perde tempo e compromete a iniciativa. Carência de automação.

Recordando

O saudoso goleiro Pintado (Adhemar Nunes Freire) fez história no Ceará Sporting Club (campeão em 1931, 1932 e 1948). No Rio, foi campeão carioca pelo Botafogo em 1935. Pintado morreu em 2009, aos 94 anos de idade. Na foto, a partir da esquerda: filho de Pintado, Adhemar Nunes Freire Filho, recebe o abraço de Mauro Benevides, quando do lançamento do livro "Pintado - Escalada de um Campeão". Oportuno resgate histórico.

Sensação

Hoje, no Junco em Sobral, Maranguape poderá encostar de vez no líder Ceará. Se ganhar do Itapipoca, o time de Mastrillo Veiga chegará aos 15 pontos, ficando a um ponto do Ceará. Mastrillo declarou que gosta de jogar para frente. Herança da época em que, mesmo sendo volante, com frequência subia ao ataque. Seu time é a sensação do certame.

Sensação II

Outra surpresa no Campeonato Cearense 2015 é o Quixadá, dirigido pelo técnico Raimundinho. Com destaque para o goleiro Rafael, os meias Lequinha, Janeudo e Bruno Ocara, e os atacantes Edson Carius e Netinho, o time pode terminar líder, caso ganhe seus dois últimos jogos, ou seja, diante do Horizonte no PV e do Icasa no Romeirão. Depende só de si.

Em alta

No momento o volante do Fortaleza, Corrêa, é o melhor jogador do campeonato. Impressionante a aplicação e voluntariedade desse atleta. Mas é bom frisar que sua melhor atuação foi pela Copa do Nordeste diante do Ceará. No somatório geral, é o jogador que mais cresceu de produção nestes dois primeiros meses do ano. Eficiente em duas frentes.

Mais bonitos

Na votação feita pelo Debate Bola, via Internet, visando a escolher o gol mais bonito do campeonato, o de Eduardo, do Guarany sobre o Ceará no Junco, continua liderando. O segundo mais votado é também do Guarany, o de Fernando Sobral igualmente sobre o Ceará. E o terceiro é também do Guarany/S, o de Victor Cearense sobre o Itapipoca.

Três finais

O ex-lateral Cafu está em Fortaleza. Ele foi o primeiro jogador da história das Copas do Mundo a participar de três finais: 1994 (campeão), 1998 (vice) e 2002 (campeão). Cafu foi também o mais atuante atleta pelo Brasil na magna competição: 20 jogos, em quatro Copas. Defendeu 150 vezes a Seleção Principal do Brasil, de 1990 a 2006. (Dados: Airton Fontenele).

Análise

Resumo do e-mail de Tibério Arcanjo Ribeiro: "Sou torcedor do Fortaleza desde 1986. Moro em Sobral desde 2009, mas, com o mesmo carinho e afeto, acompanho as glórias do clube. Confio no presidente Jorge Mota. Creio que formará um time aguerrido, vibrante e forte, tal como diz o hino do clube. O Fortaleza precisa de um goleiro para fazer sombra ao Deola. Erivelton ainda não está pronto. E precisa de um lateral-direito de oficio. Pio, ora improvisado, rende mais e melhor na meia-cancha".

Últimos Artigos

Comentários


Li e aceito os termos de regulamento para moderação de comentários do site.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.