Índia

Tempestades de areia deixam quase 150 mortos

Fortes ventos levaram destruição à cidade de Kheragarh, no distrito de Agra, onde fica o famoso Taj Mahal, mas o célebre mausoléu ficou intacto ( Foto: AFP )
00:00 · 05.05.2018

Agra. As violentas tempestades de areia registradas na Índia esta semana deixaram cerca de 150 mortos. O número pode aumentar, já que estão previstos mais episódios climáticos extremos.

Os ventos de até 130 km/h deixaram pelo 121 mortos, segundo o último balanço nos estados de Uttar Pradesh, Rajastão, Uttarajão e Punyab, enquanto tempestades elétricas mataram 21 pessoas no sul do país.

As tormentas puseram abaixo as frágeis moradias de barro, matando vários pessoas enquanto ainda dormiam. De grande violência, o vento arrancou árvores pela raiz, derrubou muros de casas e derrubou postes de luz.

No total, 76 pessoas morreram em Uttar Pradesh, a mais populosa província indiana. O distrito de Agra foi uma das zonas mais afetadas, com ao menos 43 mortos. No deserto do estado vizinho do Rajastão, onde se registraram ventos de até 100 km/h, 39 pessoas morreram. São esperados ainda fortes ventos no sul da região.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.