Horário em Fortaleza

Reunião Trump-Kim será às 22h do dia 11

00:00 · 05.06.2018 / atualizado às 00:12
Image-0-Artigo-2409159-1
Presidente dos EUA e líder norte-coreano negociam plano de desnuclearização, capaz de pacificar a península e as relações comerciais com o Ocidente ( FOTO: AFP )

Washington. A Casa Branca anunciou ontem que a primeira reunião entre o presidente americano, Donald Trump, e o líder norte-coreano, Kim Jong Un, acontecerá em Singapura às 9h locais da próxima terça (22h do dia 11, em Fortaleza).

"Estamos ativamente preparados para a cúpula de 12 de junho entre o presidente (Trump) e o líder da Coreia do Norte", declarou a porta-voz do Executivo americano, Sarah Sanders.

"Sentimos que as coisas estão andando para frente e que foi feito um bom progresso".

Sanders disse que a "equipe avançada" da Casa Branca, que conta com pessoal militar, de segurança e técnico, já está em solo no país do sudeste asiático. Eles estão "finalizando os preparativos e permanecerão lá até que a reunião comece", acrescentou. Sanders assinalou que Trump está recebendo informações diárias sobre a Coreia do Norte na preparação do encontro histórico.

Negociações

Especialistas expressaram a preocupação de que, embora Trump diga que é o maior negociador do mundo, ele sabe pouco sobre a Coreia do Norte, controle de armas e diplomacia.

Espera-se que a cúpula se concentre nos esforços dos EUA de fazer com que a Coreia do Norte abandone seu programa nuclear, pacificando a península.

Acredita-se que o regime norte-coreano tenha desenvolvido um dispositivo nuclear miniaturizado que poderia ser colocado em um míssil e atingir os EUA.

Washington considerou a ação inaceitável e exigiu que a Coreia do Norte entrasse em uma desnuclearização.

Trump também disse que não haverá novas sanções econômicas enquanto as negociações estiverem acontecendo.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.