Na basílica de São Pedro

Paulo VI e arcebispo salvadorenho Óscar Romero serão canonizados em outubro

A canonização acontecerá durante o sínodo (reunião de bispos) sobre os jovens, que acontecerá em outubro no Vaticano, afirmou o papa durante uma reunião dedicada à causa dos santos

08:39 · 19.05.2018 por Agence France-Presse
Canonização
Descrito como um homem simples e próximo ao povo, Óscar Romero, nascido em 1917, assumiu a defesa dos camponeses sem terra, o que provocou a revolta dos meios mais conservadores em El Salvador. Foi assassinado em plena missa em 24 de março de 1980. ( AFP )

O arcebispo salvadorenho Óscar Romero, grande defensor dos pobres e que se tornou uma lenda após o assassinato em 1980, e o papa Paulo VI (1963-1978) serão canonizados em 14 de outubro na basílica São Pedro de Roma, anunciou neste sábado (19) o papa Francisco.

A canonização acontecerá durante o sínodo (reunião de bispos) sobre os jovens, que acontecerá em outubro no Vaticano, afirmou o papa durante uma reunião dedicada à causa dos santos.

Descrito como um homem simples e próximo ao povo, Óscar Romero, nascido em 1917, assumiu a defesa dos camponeses sem terra, o que provocou a revolta dos meios mais conservadores em El Salvador. Foi assassinado em plena missa em 24 de março de 1980.

O papa Paulo VI, que nasceu com o nome de Giovanni Battista Montini em 1897, terminou durante seu pontificado o concílio Vaticano II iniciado por seu antecessor, João XXIII. Foi beatificado em outubro de 2014.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.