CUBA-CLIMA

Número de mortes pela tempestade em Cuba sobe para sete

Segundo a Defesa Civil, além das sete mortes, milhares de pessoas deixaram suas casas

20:34 · 02.06.2018 por FolhaPress

O número de mortos em Cuba devido as enchentes causadas pelas fortes chuvas que atingem o país depois da passagem da tempestade Alberto sobe para sete. Duas pessoas estão desaparecidas.Segundo a Defesa Civil, em balanço neste sábado (2), milhares de pessoas saíram de suas casas.O governo cubano havia relatado inicialmente quatro mortes devido às inundações.

A primeira tempestade subtropical da temporada de furacões no Atlântico atingiu as províncias centrais de Cuba com chuvas na semana passada. O temporal causou a queda de uma ponte o colapso da refinaria de Cienfuegos, no centro-sul do país.Segundo agências de meteorologia dos EUA, a temporada de furacões deste ano deve ser igual ou ainda mais forte que a de 2017, onde houve dez na região, sendo seis de grandes proporções. Neste ano, preveem até 18 furacões.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.