FURACÃO

Número de mortes devido ao Irma sobe para 61

As novas baixas incluem uma garota de sete anos, e dois homens de 68 e 69 anos

Mart Daniels, de 69 anos, bateu o carro depois de fugir de sua casa em Port Richey ( Foto: Gerben van Es/Netherlands Ministry of Defence )
22:22 · 13.09.2017 por Estadão Conteúdo

O número de mortes relacionadas com o furacão Irma subiu para 61 depois que autoridades americanas relataram mais três mortes na Flórida.

As três novas baixas incluem uma garota de 7 anos, que morreu por envenenamento de monóxido de carbono, um homem que morreu depois de cair e bater a cabeça e outro homem que bateu o carro depois de fugir de casa. O escritório do xerife do condado de Polk disse, em um comunicado, que a menina morreu em uma casa de Lakeland que tinha um gerador de energia.

De acordo com o diretor de investigações dos condados de Pinellas e Pasco, Bill Pellan, Freddie Bryant, de 68 anos, caiu e bateu a caneca enquanto ele e sua esposa estavam colocando pacotes no carro antes de deixarem sua casa. Bryant morreu em um hospital em St. Petersburg.

Pellan também disse que Mart Daniels, de 69 anos, bateu o carro depois de fugir de sua casa em Port Richey na noite de domingo. Fonte: Associated Press.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.