Grécia

Naufrágio no Egeu mata 14 imigrantes, incluindo quatro crianças

Segundo o testemunho de sobreviventes, o barco transportava 21 passageiros; alguns seguem desaparecidos

09:39 · 17.03.2018 por Agence France-Presse

Ao menos 14 pessoas, incluindo quatro crianças, morreram afogadas no naufrágio, no mar Egeu, de um barco que havia partido da Turquia com cerca de 20 imigrantes a bordo, informou neste sábado (17) a polícia portuária grega.

O balanço de mortes aumentou no decorrer das operações de buscas em frente à costa da ilha grega de Agathonisi. Primeiro foram encontrados os cadáveres de uma mulher, um homem e quatro crianças. Depois, oito outros corpos foram retirados da água.

Um barco patrulha, um helicóptero militar e três pesqueiros participavam esta manhã das buscas, aos quais deveriam se juntar uma embarcação da Frontex, a agência europeia de fronteiras.

Segundo o testemunho de sobreviventes, o barco transportava 21 passageiros. Alguns seguem desaparecidos.

As autoridades foram alertadas do naufrágio por duas mulheres e um homem que chegaram a nado na ilha.

Este naufrágio acontece na véspera do segundo aniversário do pacto firmado entre a UE  e Ancara para estancar o fluxo migratório entre a Turquia e as ilhas gregas.

Mais de mil imigrantes, incluindo muitas crianças, morreram no Egeu em 2015 e 2016. 

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.