Mulher sofre estupro coletivo após ser condenada por tribo - Internacional - Diário do Nordeste

Mulher sofre estupro coletivo após ser condenada por tribo

00h00 | 23.01.2014

A polícia da Índia informou nesta quinta-feira (23) que uma mulher foi estuprada por 13 homens no povoado de Sambalpur, no nordeste do país, como castigo determinado por um conselho tribal na terça-feira. Ela foi acusada de ter um namoro com um homem de outra tribo.

Segundo o chefe de polícia da região, a pena foi imposta porque a vítima, de 20 anos, não tinha dinheiro para pagar a multa imposta pelo conselho local. A mulher havia sido encontrada por um membro de sua tribo, a santhal, com um jovem muçulmano.

Os agentes afirmam que, após a descoberta, ela e o namorado foram amarrados a duas árvores diferentes e houve uma reunião de emergência do conselho tribal, que determinou o pagamento de 25 mil rúpias (R$ 960) aos cônjuges como pena.

O namorado concordou em pagar a multa dele em uma semana. Como os pais da jovem não tinham dinheiro, ela foi estuprada por 13 homens do povoado, que foram presos. A mulher, que se recupera em um hospital do distrito de Birbhum, identificou os 13 autores do ataque.

O canal indiano NDTV mostrou uma entrevista de uma jovem não identificada que disse ser a vítima. "O chefe da tribo ordenou que eu fosse desfrutada pelos homens da cidade. Seguindo suas ordens, pelo menos 10 ou 12 pessoas, alguns da mesma família, me estupraram. Perdi a conta de quantas vezes fizeram isso".

Muitos povoados da Índia mantêm um sistema de conselhos rurais que fazem justiça com as próprias mãos. Suas decisões se baseiam em tradições que diante da justiça indiana são inaceitáveis, como os "crimes de honra", a proibição de casamentos entre pessoas do mesmo povoado ou condenações de exílio.

A agressão foi mais um exemplo da violência sexual sofrida pelas mulheres na Índia. Nos últimos anos, foram revelados diversos casos de mulheres, incluindo estrangeiras, que haviam sido vítimas de estupro coletivo. O último caso conhecido foi informado pela polícia na semana passada. Uma turista dinamarquesa de 51 anos foi estuprada por pelo menos 15 homens em um trem no sul indiano.

Comente essa matéria


Editora Verdes Mares Ltda.

Praça da Imprensa, S/N. Bairro: Dionísio Torres

Fone: (85) 3266.9999