Tragédia

Incêndio em shopping nas Filipinas deixa ao menos 36 mortos

A maioria estava trabalhando num call center que funciona 24 horas

Seis pessoas foram resgatadas e levadas para o hospital ( Foto: AFP )
09:13 · 24.12.2017 por Folhapress

Um incêndio em um shopping em Davao, no sul das Filipinas, deixou ao menos 36 mortos. A maioria estava trabalhando num call center que funciona 24 horas, informaram autoridades da cidade neste domingo (24).

O vice-prefeito da cidade, Paolo Duterte, disse que a chance de sobrevivência para qualquer um dos desaparecidos no NCCC Mall era "zero". "Vamos orar por eles", disse Duterte, que é o filho mais velho do presidente Rodrigo Duterte.

O gerente de marketing do shopping, Janna Abdullah Mutalib, disse que o incêndio começou na manhã desse sábado (23) no terceiro andar onde roupas, eletrodomésticos e móveis são vendidos.

Com exceção de uma mercearia no piso térreo e da empresa de terceirização de negócios no último andar, as áreas comerciais ainda estavam fechadas para o público quando o incêndio começou, impedindo que a tragédia fosse ainda maior em meio a temporada de compras de Natal.

O presidente Duterte e sua filha, Sara Duterte-Carpio, que é prefeita da cidade, estiveram no local para se encontrarem com parentes que buscavam informações dos desaparecidos e de possíveis sobreviventes.

Os investigadores determinarão a causa do incêndio e as possíveis ações judiciais contra os proprietários, disse a prefeita.

Seis pessoas foram resgatadas e levadas para o hospital.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.