frança

Homem mata mãe e irmã com faca no subúrbio de Paris; EI reivindica ataque

Horas antes do crime, o líder do Estado Islâmico instou seus seguidores a atacarem inimigos em todos os lugares e de todas as maneiras possíveis

10:42 · 23.08.2018 / atualizado às 10:48 por Estadão Conteúdo
Homem mata mãe e irmã com faca no subúrbio de Paris; EI reivindica ataque
Segundo autoridades locais, o caso ainda não é tratado como terrorismo e a possibilidade de disputa familiar não foi descartada ( Foto: Thomas Samson / AFP )

Um homem matou a mãe e a irmã em um ataque com faca nesta quinta-feira (23), na cidade de Trappes, no subúrbio de Paris. Uma terceira mulher, que passava pelo local, foi gravemente ferida. O agressor foi baleado e morto pela polícia e os motivos da ação ainda não estão claros.

O grupo extremista Estado Islâmico (EI) rapidamente reivindicou a responsabilidade pelo ataque em mensagem divulgada pela Amaq, rede de propaganda do grupo jihadista na internet. 

Segundo autoridades locais, o caso ainda não é tratado como terrorismo e a possibilidade de disputa familiar não foi descartada.

De acordo com a Amaq, o ataque foi motivado por pedidos recentes da liderança do EI de que seus seguidores ataquem civis nos países em guerra com o grupo extremista. 

Horas antes, o líder do EI Abu Bakr al-Baghdadi instou seus seguidores a atacarem inimigos em todos os lugares e de todas as maneiras possíveis, incluindo ataques com faca.

Autoridades policiais disseram que o homem foi identificado na base de dados do governo como um suspeito extremista político e religioso.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.