diálogo

Governo dos EUA diz que mantém esperança de encontro entre Trump e Kim Jong-Un

A realização do encontro foi colocada em dúvida após o regime norte-coreano suspender reunião que teria com a Coreia do Sul nesta quarta (16)

A porta-voz do governo americano, Sarah Sanders, afirmou que Donald Trump "está preparado para o encontro acontecer" ( Foto: Saul Loeb / AFP / KCNA VIA KNS )
12:57 · 16.05.2018 / atualizado às 13:25 por FolhaPress

Os Estados Unidos mantêm a esperança de que a reunião entre o presidente Donald Trump e o ditador da Coreia do Norte, Kim Jong-un, aconteça, afirmou a porta-voz do governo americano, Sarah Sanders, nesta quarta-feira (16).

"O presidente está preparado para o encontro acontecer. E se não acontecer, vamos continuar com a campanha de máxima pressão que está em progresso", disse Sarah em entrevista à Fox News.

A Coreia do Norte colocou em dúvida nesta terça-feira (15) a realização da cúpula em Singapura, no próximo dia 12 de junho. O regime norte-coreano ainda suspendeu reunião que teria com a Coreia do Sul nesta quarta.

O motivo seria a realização de exercícios militares conjuntos por sul-coreanos e americanos, que começaram na última sexta-feira (11) e devem durar duas semanas.

A agência estatal norte-coreana de notícias afirmou que as atividades militares eram vistas como um "treinamento para uma invasão da Coreia do Norte" e uma "provocação", e disse que Pyongyang não tinha outra opção senão suspender as conversas.

O encontro Norte-Sul tinha como objetivo avançar na direção apontada pela declaração feita por Kim e pelo presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, após cúpula histórica em 27 de abril.

No documento, eles prometiam o fim formal da Guerra da Coreia e a busca da completa desnuclearização da Coreia do Norte.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.