Acidente

Autoridades confirmam mortes dos 71 ocupantes do avião que caiu na Rússia

Após a notícia do acidente, foi organizado um centro de atendimento psicológico para os parentes dos passageiros do voo

O avião desapareceu dos radares minutos depois de decolar do aeroporto internacional de Domodedovo, em Moscou ( Foto: AFP PHOTO / RUSSIAN EMERGENCY MINISTRY )
14:38 · 11.02.2018 / atualizado às 14:45 por Agência Brasil

A Promotoria de Transporte de Moscou confirmou a morte de todas as 71 pessoas que estavam a bordo do avião bimotor AN-148, que caiu nos arredores de Moscou neste domingo (11).

"A bordo da nave encontravam-se 65 passageiros e seis tripulantes. Todos morreram", disse a entidade em comunicado.
 
O avião, que pertence à companhia aérea Saratov Airlines, desapareceu dos radares minutos depois de decolar do aeroporto internacional de Domodedovo, em Moscou.
 
O AN-148, que realizava o voo regular 6W 703 com destino à cidade de Orsk, ao sul dos montes Urais, tinha decolado de Moscou às 14h21 (hora local; 9h21 em Brasília). Segundo dados preliminares, todos os ocupantes do avião são cidadãos russos.
 
Logo após o surgimento da notícia do acidente, no aeroporto de Orsk foi organizado um centro de atendimento psicológico para os parentes dos passageiros do voo afetado.
 
O presidente russo, Vladimir Putin, enviou condolências a todos que perderam parentes no acidente aéreo e ordenou que o governo crie uma comissão especial para a investigação do caso, informou o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.