separados

Angelina Jolie pode perder guarda dos filhos se limitar contato deles com o pai

O juiz do caso de divórcio do casal acredita que é "prejudicial" para as crianças que atriz continue restringindo o acesso de Brad Pitt a elas

10:57 · 13.06.2018 / atualizado às 11:03 por Estadão Conteúdo
Angelina Jolie pode perder guarda dos filhos se limitar contato deles com o pai
Angelina Jolie e Brad Pitt - um dos casais mais icônicos de Hollywood - anunciaram a separação em setembro de 2016 alegando diferenças irreconciliáveis ( Foto: Arquivo )

Angelina Jolie corre o risco de perder a guarda primária dos seis filhos caso não mude a forma como permite que as crianças tenham contato com o pai, Brad Pitt, segundo o site TMZ. O juiz do caso de divórcio do casal de atores acredita que é "prejudicial" para as crianças que Angelina continue restringindo o acesso de Pitt a elas.

Em nova decisão, o magistrado disse que o ator poderá ligar ou enviar mensagens para cada um dos filhos quando quiser, sem a supervisão da atriz. O juiz também determinou o tempo em que Brad Pitt poderá ficar com eles. O ator verá as crianças em Londres por dez dias, do início até meados de junho, onde ele pode ficar com um ou dois de cada vez durante quatro horas por dia. No fim do mês, ele terá dez horas por dia.

Um psicólogo infantil deverá acompanhar o ator enquanto ele visita os filhos em Londres. Quando estiverem com o pai, Angelina só poderá ligar uma vez por dia. Maddox, que tem 16 anos, decidirá por conta própria quanto tempo deseja ficar com o pai.

Separação

Angelina Jolie e Brad Pitt - um dos casais mais icônicos de Hollywood - anunciaram a separação em setembro de 2016. "A decisão foi feita pelo bem da família", afirmou na ocasião um representante do casal. Os atores, que estavam juntos desde 2004 teriam alegado diferenças irreconciliáveis para o fim do relacionamento.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.