Da Califórnia

Incêndio pode ser o maior da história

00:00 · 07.08.2018
INCENDIO
Ao menos 14 mil bombeiros combatem 16 focos no Estado, que já consumiram 2.370 km² ( Foto: AFP )

Los Angeles. Uma série de incêndios florestais, que já somam quase a área da cidade de Los Angeles, devem conformar o maior incêndio da história do estado da Califórnia.

Os incêndios River e Ranch, que as autoridades denominam como Mendocino Complex, já arrasaram uma área de 273.664 acres ou 1.100 km²no norte da Califórnia. Na manhã de ontem, as autoridades locais informaram que o incêndio já era o segundo maior da história em área devastada. “A previsão é de que será o número um a partir desta noite, infelizmente”, disse o porta-voz da agência de combate a incêndios da Califórnia (Cal Fire), Scott McLean, em um boletim transmitido pela página do órgão no Facebook.

O maior incêndio em área da história da Califórnia foi o Thomas, que em dezembro de 2017 destruiu 1.140 km², quase a área de Los Angeles (1.300 km²).

Apesar da área devastada, o Mendocino Complex não é tão devastador como o Carr, também no norte, que consumiu 660 km² mas já matou sete pessoas e destruiu 1.600 prédios, incluindo 1.000 residências. O Carr teve origem em uma "falha mecânica de um veículo" e é considerado o sexto incêndio mais destrutivo da história da Califórnia. No momento está 45% controlado. A última vítima foi um trabalhador que morreu no domingo quando reparava uma linha elétrica em uma área remota do condado de Shasta.

Ao menos 14 mil bombeiros combatem 16 focos ao longo do Estado, que no total já consumiram 2.370 km², o que traz um prognóstico sombrio para o restante da temporada de incêndios, que termina em dezembro.

“São extremamente rápidos, extremamente agressivos, extremamente perigosos”, disse o porta-voz ao jornal Los Angeles Times. “Vejam como avançou em apenas alguns dias. Olhem como o Mendocino Complex cresceu rápido, é algo incomum”.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.