Brexit

Em meio à crise, país recebe Trump

00:00 · 13.07.2018
Casal Trump
Casal Trump encontrou a premiê britânica Theresa May e o marido dela, Philip, antes de jantar de gala ( FOTO: AFP )

Londres/Bruxelas. O presidente dos EUA, Donald Trump, chegou ontem ao Reino Unido para uma visita de quatro dias longamente esperada pelo governo de Theresa May e que estará, no entanto, cercada por hostis manifestações.

> Theresa May detalha plano para o 'Brexit' 
 
Embora se hospede na Winfield House, a residência do embaixador dos EUA perto de Regent Park, no centro de Londres, seu programa evitará a capital britânica, onde os protestos se concentrarão. Assim, os encontros com a primeira-ministra Theresa May e a rainha Elizabeth II acontecem na mansão de Chequers e no castelo de Windsor, respectivamente, ambos fora da capital. Na tarde de ontem, o presidente assistiu a uma cerimônia militar, antes de participar, junto com sua mulher, Melania, de um jantar de gala no Palácio de Blenheim.

Também ontem, a premiê britânica defendeu um acordo de livre-comércio com os Estados Unidos após o Brexit diante do presidente norte-americano, Donald Trump. Mas em entrevista a um jornal britânico, Trump disse que o plano de Theresa May, para o Brexit "provavelmente pode matar" a possibilidade de um acordo de livre-comércio com os Estados Unidos.

Otan

Mais cedo, Trump concedeu entrevista coletiva, após rumores mais cedo de que ele teria chegado a ameaçar deixar a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan). Trump reafirmou seu compromisso com a aliança, mas disse que foi necessário garantir que as demais nações do grupo elevem rapidamente seus gastos com defesa, para evitar um custo injusto para os americanos. Na coletiva, Trump disse ainda que o compromisso americano com a aliança é "muito forte". Antes da entrevista de Trump, o secretário-geral da Otan, Jens Stoltenberg, convocou uma reunião de emergência em Bruxelas.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.