Especial publicitário

Bem preparado

ORIENTE-SE

04:00 · 02.11.2017
Quem nunca ficou nervoso em uma entrevista de emprego? Por mais autocontrole que se tenha, sempre fica aquele "friozinho" na barriga. Porém, se o candidato estiver bem
preparado, a tendência é que ele fique mais tranquilo, pronto para dar boas respostas e, dessa forma, aumentar as chances de ser contratado. A especialista Madalena Mattos
orienta que a preparação deve começar muito antes do momento em que o aspirante à vaga se senta em frente ao entrevistador. "A primeira coisa que eu digo é a alimentação.
Às vezes, as pessoas que vão fazer uma entrevista de emprego nem se alimentam direito, quando saem de casa, e isso não ajuda, porque fica aquela sensação ruim no estômago, na hora da entrevista", alerta.
Um dos procedimentos mais importantes para uma entrevista de emprego é estar bem informado  sobre a empresa que está oferecendo a vaga. "Não se aceita a desculpa de que o candidato não sabia como é a empresa. Hoje em dia, com a internet, é obrigatório entrar no site da empresa, conhecer o perfil dela, seu ramo de atuação, como seus funcionários se comportam", explica Madalena Mattos. "Também ajuda muito procurar notícias sobre a empresa e pesquisar sobre seus valores e sua missão", aponta. 
 
EXPRESSÃO
Um dos momentos mais importantes é quando o representante da empresa inicia a entrevista de emprego, propriamente dita. Esta é a hora em que o candidato deve mostrar-se apto para a contratação e, para isso, estabelecer um diálogo é fundamental. "O candidato não pode ficar só balançando a cabeça, respondendo 'sim', 'não'. Tem que haver uma comunicação. O RH quer as informações sobre a pessoa que está requerindo a vaga. É preciso saber falar sobre os pontos fortes e fracos, sem se comprometer", orienta Madalena Mattos.
Isso deve ser feito, segundo a especialista, da seguinte maneira: ao abordar suas qualidades, não diga algo que você não sabe fazer ou não tem conhecimento pleno. "Em
uma dinâmica de grupo, a verdade pode aparecer e o candidato, ser eliminado", alerta Madalena. Em relação aos pontos fracos, eles podem ser abordados, de uma maneira
que ressalte aspectos positivos, para a empresa. "Por exemplo, se for falar um defeito seu, diga que é 'extremamente rigoroso com o cumprimento de horários', ou 'exageradamente perfeccionista nos trabalhos que realiza'. Na verdade, podem parecer defeitos, mas para a empresa são virtudes", pondera Madalena Mattos.
Outra dica valiosa é se vestir adequadamente para a entrevista. Isso conta muitos pontos no processo de seleção. "Vá para a entrevista como se fosse seu primeiro dia na
empresa. Por isso, é muito importante conhecer o perfil da companhia com antecedência", alerta Madalena Mattos.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.