recursos humanos

Quatro dicas para negociar salário melhor

Um aumento salarial é o sonho de muitos funcionários. Se você está nesse grupo, leia as dicas da Universia

00:00 · 14.04.2018

Muitos profissionais acreditam que não ganham tanto quanto merecem. Em boa parte dos casos a afirmação é verdadeira. Se você está nesse grupo e não sabe como negociar o seu salário, confira a seguir quatro dicas que podem ajudar a conseguir o seu tão desejado aumento.

1. Seja ágil

Comece o assunto falando sobre a sua compensação atual. Certifique-se de distinguir o salário base do que você recebe de fato. Em seguida, mude o foco para falar sobre o verdadeiro propósito da discussão, que é o seu aumento salarial. Nesta fase é bom mencionar as suas perspectivas.

2. Justifique o pedido

Esse tipo de justificativa não acontece da noite para o dia. Para isso, você precisa reunir uma série de informações que provem o seu valor e o seu merecimento. Uma boa ideia é reunir esse tipo de dado desde quando você entra na empresa. Lembre-se apenas de verificar se você não está violando nenhuma regra de confidencialidade. Contudo, ninguém pode impedir você de acompanhar a sua própria evolução. Mantenha uma base de dados com o seu próprio desenvolvimento. Isso pode ajudar, inclusive, no seu rendimento.

3. Descubra os limites

Pense na negociação de salário da seguinte forma: você é o vendedor dos seus serviços. A companhia é o comprador. E, como em qualquer venda, vocês têm valores dos quais não estão dispostos a abrir mão. Por isso, antes de ir para a negociação propriamente dita, é fundamental que você tenha uma ideia de quais são esses valores. Lembre-se de que em uma negociação ambas as partes têm de ceder. Vocês só precisam descobrir quanto cada um vai ceder.

4. Encontre interesses

Se o seu aumento for proveitoso apenas para você, definitivamente ele não será concedido. Não faz sentido para a empresa gastar mais com um funcionário sem ter nenhum retorno por isso. Portanto, os seus argumentos devem apresentar vantagens para a empresa. Mostre o que o seu aumento pode significar para a organização.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.