recursos humanos

Os benefícios de você dizer eu não sei

Não deixe que seu ego fique no caminho. Admitir a ignorância muitas vezes é a melhor saída. Dicas da Universia

00:00 · 10.02.2018

Admitir que você não sabe algo não é uma das tarefas mais fáceis, especialmente se você estiver com todos os olhos e atenções de seus superiores sob sua pessoa. Em algumas áreas, como a financeira e de consultoria, a cultura das empresas é especialmente contrária a admissões de limitações ou ignorância, mesmo sendo legítimas e bem intencionadas, e costuma até mesmo a incentivar a fabricação de respostas para que a situação simplesmente se resolva.

Honestidade

A verdade é que, não saber ou não ser capaz de se lembrar da resposta quando se é colocado em evidência não deve ser um sinal de fracasso ou fraqueza. Ao invés disso, a resposta honesta deveria ser motivo para credibilidade e confiança, já que poucas pessoas têm a capacidade necessária para saber manter o sorriso mesmo sem saber a resposta.

Convencer a si mesmo que você deveria ter todas as respostas pode fazê-lo menos receptivo para novas ideias, diferentes maneiras de pensar e fontes de conhecimento. Além disso, também induz ao estresse e pode levar ao desenvolvimento de modelos de liderança que não oferecem o espaço necessário para a iniciativa dos funcionários e seu desenvolvimento pessoal. O pior de tudo é que, na maioria dos casos, para não dizer na totalidade, as pessoas acabam com uma atitude e espécie de fama que em nada pode contribuir para os relacionamentos de trabalho.

Fingir que você sabe algo que não conhece realmente também pode ser perigoso se você estiver sendo testado por alguém. Tal armadilha faz com ofertas de trabalho e avaliações de desempenho sejam completamente desmoralizadas.

Lembre-se, pedir a ajuda de outras pessoas e estar aberto para novos conhecimentos é uma ótima maneira de construir relacionamentos de trabalho colaborativos e produtivos.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.