recursos humanos

Dez dicas para equilibrar carreira e vida amorosa

Equilibrar os estudos, emprego e vida pessoal pode ser um grande desafio. Veja algumas sugestões da Universia

00:00 · 04.11.2017

Trabalhar, estudar e aproveitar a vida amorosa pode ser um grande desafio. Quando se enfrenta uma fase complicada na carreira, por exemplo, separar tempo para dar atenção a outras áreas da vida se transforma em algo praticamente impossível, já que as poucas energias que restam são usadas para os estudos.

Se você enfrenta situação similar, confira 10 dicas para equilibrar sua carreira e vida amorosa:

1. Estabeleça limites

Para não perder o foco daquilo que é realmente importante para você, é necessário estabelecer limites para cada área de sua vida. Você não chega ao trabalho, por exemplo, chorando ou reclamando de problemas pessoais. Da mesma forma, precisa estar atento para não descontar os estresses do expediente na família.

2. Discuta as finanças

Um dos maiores motivos de briga entre companheiros é o dinheiro e como é administrado. Para evitar brigas, converse sobre esse assunto quando as coisas estão bem. Falem sobre todas as possibilidades, como desemprego de um dos dois, o que fariam no caso de uma transferência, etc.

3. Separem tempo

Crie um horário regular para passarem juntos. Fazer disso algo fixo em sua agenda, não necessariamente o dia, mas sim o período de horas que desejam passar juntos, é uma ótima maneira de evitar ficar sem tempo para essas atividades.

4. Não vá dormir com raiva

Esse princípio é válido tanto para seus relacionamentos pessoais quanto para a carreira. Dormir com raiva e acordar nervoso no dia seguinte é algo péssimo para sua qualidade de vida e bem-estar. Resolva seus problemas antes do dia acabar e não deixa para amanhã o que precisa ser feito ou dito hoje.

5. Faça sacrifícios equilibrados

Grandes objetivos muitas vezes demandam grandes sacrifícios, não apenas de você, mas também das pessoas ao seu lado. Exigir essas decisões dos outros implica que você também deve estar disposto a se sacrificar por essas pessoas.

6. Apoio incondicional

Pode ser muito difícil dar apoio ou até mesmo mostrar interesse por certas decisões e desejos do companheiro, especialmente depois de um longo dia de trabalho. Ignorar essas necessidades, entretanto, é um grande erro que pode minar aos poucos o equilíbrio do relacionamento.

7. Ame a pessoa, não seus títulos

Um relacionamento saudável é aquele em que as pessoas se amam por quem são, e não pelo que possuem ou representam. Uma posição, cargo ou título são coisas passageiras e insuficientes para a manutenção do amor verdadeiro.

8. Tome decisões em conjunto

Estar com outra pessoa implica em decisões conjuntas. Você não vive mais de maneira independente e aquilo que decide para si também valerá para o outro. Por conta dessas implicações, é necessário tomar as decisões em concordância e companheirismo.

9. Compartilhem tarefas

Ninguém quer chegar do trabalho em casa e encarar uma pia cheia de louças sujas. Por conta disso, as tarefas precisam ser igualmente divididas entre as pessoas que convivem no mesmo ambiente.

10. Perdoe e peça perdão

Os relacionamentos pessoais funcionam como uma fonte de certeza e minimização do estresse. Entretanto, os desgastes do dia a dia podem trazer atritos e desacertos. Manter amargura e ressentimento não irá resolver a situação, mas sim piorá-la

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.