Reportagem Doc

Voo para o futuro: aviação muda rota do crescimento

00:00 · 11.11.2017 / atualizado às 08:44 por Armando de Oliveira Lima - Repórter

O novo momento da aviação tem Fortaleza como exemplo mais promissor nesta etapa do setor no País. A chegada de um administrador privado de expertise reconhecida mundialmente para o Aeroporto Internacional Pinto Martins, como é a Fraport, e o recém-assinado acordo para a implantação de um hub do Grupo Air France-KLM e Gol fundamentam as expectativas e indicam uma mudança transformadora para a economia da Cidade e do Estado, que devem ter a rota de crescimento ascendente em um futuro próximo. Aliado ao trabalho que será desempenhado pela concessionária e a companhia aérea, o reforço dado por setores produtivos locais e a vocação cearense para os serviços e o turismo devem elevar a posição de Fortaleza e do Ceará nestes segmentos, além de atrair novas oportunidades de negócios - criadas a partir da alavancagem da cadeia produtiva da aviação. O projeto elaborado para a Capital e o Estado tem a vantagem de se assemelhar a outros executados no exterior e também no Brasil, mas guarda o desafio de tomar essas experiências - de sucesso e fracasso - como aprendizado e superá-las.

> Confira entrevista com Emilio Celso:

LEIA AINDA:

> Lima: vitrine da Fraport na América do Sul é espelho para Fortaleza
> Reflexo imediato sobre o mercado de trabalho no CE
> Pioneirismo promete fazer da Capital cearense líder no NE
> Euforia não pode comprometer o sucesso do projeto
> Nova infraestrutura é preparada por operadora e empresa aérea

Reportagens

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.