Parque Ecológico do Cocó oferece diversificada programação de férias - Cidade - Diario do Nordeste

OPÇÃO À PRAIA

Parque Ecológico do Cocó oferece diversificada programação de férias

24.07.2006

Francisco Sousa

Domingo é dia de praia, cerveja e caranguejo, certo? Não, necessariamente. Existem alternativas saudáveis de lazer para desfrutar a folga dominical. Uma delas é visitar o Parque Ecológico do Cocó, que oferece uma combinação perfeita: lazer em sincronia com a natureza. E com duas vantagens a mais: tranqüilidade e segurança.

Neste mês de julho, uma animação, articulada pela Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace), tem intensificado a visitação. Nos três últimos fins de semana, o tem sido registrada uma média de três mil visitantes, de diferentes faixas etárias, atraídos pelas atividades promovidas pelo Projeto “Domingo no Parque”.

Durante as férias, o Projeto -que prossegue até o próximo dia 30 - tem como temas “Férias especiais com a natureza” e “Concertos da Natureza”. A Semace tem disponibilizado espaço de lazer, pesquisa, cultura e entretenimento, atrelados à preservação da natureza, com o objetivo de despertar a consciência conservacionista e promover a inclusão social para grupos de crianças e adultos.

SEM ESTRESSE — Crianças do Projeto “Sonhar Acordar” vivenciaram uma manhã agitada, mas sem nenhum estresse, neste domingo. As 100 crianças carentes, assessoradas por jovens voluntários do Projeto, aqueceram os corpos com ginástica orientada por educadores físicos. Ao contrário do barulho das academias de ginástica, os exercícios foram praticados à sombra de frondosas árvores, tendo como fundo musical o canto dos pássaros.

Depois da malhação, a garotada assistiu às apresentações de dois grupos: um de Tai Chi Chuan, da academia Wu Dang, e outro de capoeira, da academia Abadá Capoeira.

Em seguida, caminharam pela trilha ecológica, acompanhadas pelos monitores da Semace. Na volta, fizeram um lanche para repor as energias e, logo depois, se divertiram com os jogos educativos “Aprendendo com os ambientes do lugar”. São brincadeiras manuais que transmitem, de forma lúdica, conhecimentos sobre a fauna e a flora.

O Projeto “Sonhar Acordar”, no Ceará, foi criado em 2001. Nascido no México em 1998, foi implantado no Brasil, inicialmente no Rio de Janeiro, em 2000, e, hoje, está espalhado nas principais capitais. Coordenado pela Organização Não-Governamental (ONG) do mesmo nome, o Projeto “Sonhar Acordar” trabalha com mil crianças carentes da periferia de Fortaleza e conta com a ajuda voluntária de 560 jovens.

Segundo a coordenadora geral do Projeto no Ceará, Lia Quinderé, a visita ao Parque proporcionou às crianças uma opção diferenciada de lazer.

CONCERTOS — No começo da noite, a promoção “Concertos da Natureza” também atraiu expressivo público. Iniciado às 18 horas, o programa musical colocou em cena a Big Band Show, formada por 22 músicos; o cantor Paulo José Benevides; o coral Porta Voz, sob a regência do maestro Poty Fontenele; o pianista Amauri Paula Pessoa, diretor do Conjunto Universitário da Universidade Federal do Ceará e do Music-Hall; e a cantora Fátima Santos.

TRILHA — A caminhada pela trilha é a principal atração do Parque do Cocó. Com 1.360 metros de extensão, proporciona um contato direto do público com as belezas naturais daquela área, privilegiada com variadas espécies nativas da nossa fauna e flora. Através da trilha, as pessoas são despertadas para a importância da preservação da biodiversidade local.

Para percorrê-la, leva-se, em média, 1h30min, partindo da avenida Sebastião de Abreu até a Amadeu Furtado ou vice-versa, com duas opções de entrada. Agora, dois novos acessos foram criados: Trilha do Rio e Trilha da Lagoa, com 240 e 150 metros de extensão, respectivamente, onde é possível observar uma vegetação típica de manguezal e uma rica fauna de aves, crustáceos, peixes e outras espécies do mangue, além, é claro, de contemplar o leito do Rio Cocó.

A caminhada pela trilha e a visitação em as áreas externas do Parque não oferecem riscos. A caminhada é guiada por monitores da Semace e a segurança é reforçada, tanto nas áreas externas quanto na trilha. Além do Posto de Observação Policial (instalado numa torre), 30 policiais, distribuídos nos três turnos, cuidam da segurança do Parque.

SERVIÇO - Aberto ao público diariamente, das 6 às 17 horas

Para agendar visita de grupos, basta ligar para 3101.5550 / 8852.6641 (falar com Lucilene Maranhão, gerente)

Comente essa matéria


Editora Verdes Mares Ltda.

Praça da Imprensa, S/N. Bairro: Dionísio Torres

Fone: (85) 3266.9999