Após requalificação

Parque Adahil Barreto será reinaugurado

Com novos espaços de lazer e equipamentos restaurados, o Parque deverá reaver o público perdido com o tempo

01:00 · 29.06.2018
Área Adahil Barreto
O espaço, que passou por um processo de requalificação, foi rebatizado como Parque do Cocó Área Adahil Barreto ( FOTO: KLÉBER A. GONÇALVES )

Após longos anos de convívio com uma infraestrutura decadente, que afastou boa parte de seus antigos frequentadores, o Parque Adahil Barreto será reinaugurado na terça-feira (3), agora como parte integrada ao Parque Estadual do Cocó. O espaço, que passou por um processo de requalificação, foi rebatizado como Parque do Cocó Área Adahil Barreto.

Dentre as intervenções feitas no local, estão a construção de uma via interna, de quadras poliesportivas, uma cisterna com capacidade para aproximadamente 200 mil litros, e três poços profundos para a manutenção do novo gramado, que se estende por quase 30 mil metros quadrados e conta com um sistema de irrigação automática.

De acordo com o secretário adjunto da Secretaria do Meio Ambiente do Ceará (Sema), Fernando Bezerra, toda a infraestrutura do local foi recuperada. "Foram feitos reparos na academia para a terceira idade e no parquinho infantil, e a pista de cooper foi perfeitamente finalizada", detalha. A requalificação do espaço de 10 hectares inclui ainda o aumento da área para caminhadas e corridas, um campo de futebol, e a recuperação de um olho d'água que permitirá a contemplação de peixes e o plantio de mudas de espécies nativas.

No que diz respeito à segurança, a nova área integrada ao Parque do Cocó será monitorada por câmeras de vídeo e terá a presença do Batalhão de Policiamento Ambiental, segundo Fernando Bezerra.

"Nós pretendemos que a população de Fortaleza volte a utilizar o parque ao modo que hoje utilizam o Parque do Cocó, na área da Avenida Padre Antônio Tomás", explica o secretário adjunto da Sema. Ele afirma, ainda, que equipes de educadores ambientais estarão disponíveis para receber os visitantes e mostrar o que pode ser feito para preservar a área.

Para Josimar Cardoso, presidente da Associação dos Moradores do Parque Adahil Barreto, a requalificação do local alcançou as expectativas. "Antigamente, as famílias vinham fazer piqueniques na área verde, mas até algum tempo, esse parque estava abandonado. Mas agora vai ficar uma maravilha, não só para nós, mas para toda a população", diz.

Cessão

Em 2017, o Parque Adahil Barreto deixou de ser gerido pela Prefeitura de Fortaleza e passou a ser administrado pelo Governo do Estado, a partir da assinatura do termo de cessão do equipamento, por parte do prefeito Roberto Cláudio e o governador Camilo Santana. A parceria definiu que o Município cedesse o espaço para compor a Unidade de Conservação Integral do Parque do Cocó. A Câmara Municipal aprovou, em junho do ano passado, o projeto de lei que autoriza a cessão de uso do Parque ao Estado por 20 anos.

"O Adahil Barreto era um apêndice que limitava com as áreas do Parque do Cocó. Não tinha sentido o Município administrar só um parque de 10 hectares enquanto o Estado administra um de mais de 1.500 hectares", diz Fernando Bezerra.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.