Nossa Senhora da Saúde

Paróquia do Mucuripe comemora 87 anos

A expectativa é que, durante o período de celebração, seja alcançado um público de 50 mil pessoas

01:00 · 28.08.2018
Image-0-Artigo-2445559-1
A feira de artesanato, na Praça da Igreja de Nossa Senhora da Saúde, já se tornou tradicional e reúne muitas famílias ( FOTO: JOSÉ LEOMAR )

Em tempos de mazelas sociais e humanas, nos quais a violência urbana torna-se cerne dos problemas da Capital, a Paróquia de Nossa Senhora da Saúde, no bairro Mucuripe, lança um período de fé. Uma celebração em homenagem aos seus 87 anos tem início nesta quarta-feira (29), a partir de 17h.

"Com Maria, pedimos saúde e paz" é o tema utilizado pela Paróquia de Nossa Senhora da Saúde a fim de externar o período de onze dias da Casa religiosa. Tudo começa amanhã com duas procissões paralelas - uma do Sagrado Coração de Jesus, saindo da Igreja Matriz, no Mucuripe, e outra da Igreja de Santa Luzia, no Meireles.

Em tal momento da procissão, ambas devem se encontrar na altura do Clube Náutico e seguir caminho rumo à Paróquia de Nossa Senhora da Saúde. Às 19h, o padre Juarez de Brito Cardoso, responsável pelo lugar há cerca de dois anos, celebra uma missa solene que dá abertura à festa, no estacionamento da Igreja da Saúde.

De acordo com o pároco Juarez, o evento é considerado a segunda maior festa mariana do Estado e a expectativa é de que, nos 11 dias de celebração, seja alcançado um público de 50 mil pessoas. "Gente da paróquia, de outras paróquias e até de outros municípios vêm porque muitos que nasceram no Mucuripe hoje moram em outros lugares e levaram o testemunho e a devoção. Muitos se reúnem e é quase como se fosse um encontro das pessoas. Tem esse sentido também de encontro, de organização", explica o padre.

A devoção à Nossa Senhora da Saúde, no Mucuripe, conforme o padre, começou a partir de um momento difícil para a população do bairro. "Dada uma epidemia de peste bubônica, morreu muita gente. Sem ter a quem apelar, uma senhora, então, tinha uma imagem de Maria e sugeriu que as pessoas rezassem. O pessoal foi se reunindo, indo visitar as casas onde tinham doentes e levando a imagem. Pela fé, pela oração, a doença desapareceu", relata Juarez de Brito.

Programação

A festa na Paróquia do Mucuripe segue diariamente até 8 de setembro. Durante o percurso, haverá celebrações presididas por diferentes padres da Capital sempre às 19h. A missa do dia 30 de agosto, porém, será comandada pelo arcebispo auxiliar da Arquidiocese de Fortaleza, dom Rosalvo Cordeiro de Lima.

No encerramento, uma série de celebrações também serão organizadas para os fiéis. Seis missas, ao todo, formam o dia da Igreja de Nossa Senhora da Saúde, de 6h30 às 19h. A última será presidida pelo atual arcebispo da Cidade, dom José Antônio Aparecido Tosi Marques.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.