Denúncia

Terreno com lixo compromete Centro de Turismo em Fortaleza

Lojistas se queixam da falta de espaço adequado para estacionar, que compromete a vinda de clientes

19:30 · 05.06.2018 / atualizado às 19:57
De acordo com a Setur, os trabalhos de limpeza devem ser concluídos até sexta-feira (8). (Foto: Kid Júnior)

Rastros e pilhas de garrafas plásticas, sacolas, caixas de papelão e materiais de construção aos pedaços. A "decoração" do terreno localizado em frente ao Centro de Turismo do Ceará, também conhecido como Empresa Cearense de Turismo (Emcetur), no Centro de Fortaleza, contrasta com a bela vista do mar, enquanto carros se acumulam formando um estacionamento improvisado. 

O aumento do fluxo de turistas na cidade seria positivo para os comerciantes da Emcetur, mas um "erro de logística" acaba prejudicando os lojistas. "Alguns motoristas trazem os visitantes para a praia e vêm estacionar os carros aqui, aí lota o espaço. Quando os ônibus de turismo passam, não têm onde parar, aí seguem reto com os turistas, que deixam de vir aqui", revela Luiz de Miranda, 69, que acompanha a esposa Marisa, dona de uma loja de artesanatos no local há 25 anos. Para eles, os detritos acumulados prejudicam a estética do ambiente. 

"O nosso estacionamento interno aqui na Emcetur é muito pequeno, são mais ou menos 44 vagas. Fica faltando espaço, e esse terreno da frente poderia ser aproveitado", afirma Cláudia Braga, 65, lojista há 40 anos. Cerca de um mês atrás, ela e seu marido, dono de uma empresa de construções, decidiram medir a área do terreno e elaborar um projeto de estacionamento para o local. 

"A entrada seria pela Rua General Sampaio, e o estacionamento em si seria dividido em dois níveis: o superior, para ônibus, e o inferior, para carros. O terreno é bem inclinado, por isso dá para fazer. A saída seria pela Rua Senador Pompeu", explica Cláudia Braga. Segundo ela, o projeto foi encaminhado para o Governo do Estado do Ceará. 

Coleta 

O terreno em questão é de posse da Secretaria do Turismo do Ceará (Setur). O órgão afirma que parte do local foi cedida para a Secretaria Especial de Política sobre Drogas (SPD) para a instalação de um contêiner, que realiza serviços de atendimento à população de rua. 

"Em relação ao entulho, a Setur entrou em contato com a Secretaria Regional do Centro, que afirmou estar com uma equipe de limpeza trabalhando nesta semana no local. A coleta especial e a coleta domiciliar são realizadas diariamente naquela região", informa a Secretaria.

Limpezas maiores também são programadas quando há muito acúmulo de lixo, e uma destas está sendo conduzida atualmente. De acordo com a Setur, os trabalhos devem ser concluídos até sexta-feira (8). 

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.