REAJUSTE

Tarifa de ônibus de Fortaleza sobe 16,36% e inteira custará R$ 3,20

Anúncio oficial dos novos valores foi feito nesta terça-feira (10), na sede da Etufor. Reajuste já passa a vigorar neste sábado (14)

Passagem de ônibus em Fortaleza vai ficar mais cara
13:56 · 10.01.2017 / atualizado às 18:03 por Inácio Aguiar

A passagem de ônibus de Fortaleza, que custa atualmente R$ 2,75, vai subir para R$ 3,20 já no próximo sábado (14), um aumento de 16,36%. O anúncio oficial dos novos valores foi feito nesta terça-feira (10), na sede da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor). A tarifa estudantil, que hoje custa R$ 1,30, também subirá para R$ 1,40, correspondendo a 43,7% da tarifa inteira.

Ainda de acordo com a Etufor, a Hora Social (segunda a sábado, 9h às 10h e de 15h às 16h) passa a custar R$ 3,00, a inteira, e R$ 1,30, a tarifa estudantil. Além disso, a Tarifa Social, praticada aos domingos, terá o valor de R$ 2,60 (inteira) e R$ 1,10 (meia). Os valores da Linha Central, que só circula no Centro da cidade, não irão sofrer reajuste, seguindo em R$ 0,40 e R$ 0,20.

> 2017 terá série de reajustes; veja lista 

Mesmo com a elevação, a Prefeitura da Capital argumenta que dois parâmetros balizaram a alta da tarifa no diálogo com o Sindiônibus, que congrega as empresas do setor. 

ÔNIBUS EM FORTALEZA:  Preço da Passagem (R$)
Create your own infographics

Negociação

Primeiro, a Prefeitura ressalta que houve manutenção da tarifa de sistema integrado (que permite a integração nos terminais ou por meio do bilhete único) mais barata do País.

O segundo ponto em discussão foi em relação à meia-passagem para estudantes. Atualmente, o valor pago pelo usuário já corresponde a menos de 50% da tarifa cheia. Após os reajustes, essa diferença entre inteira e meia será ainda maior, em favor de quem utiliza a meia (43,7% do total).

Essas medidas, segundo a gestão municipal, irão beneficiar os pais que têm mais de um filho na escola, pois o impacto do aumento será menor no bolso dele. 

Atualmente, algo em torno de 80% do valor arrecadado com a tarifa corresponde a beneficios pagos pelo empregador, por meio do vale-transporte. Apenas em torno de 20% é que é pago pelo cidadão.

Justificativas

Segundo a Etufor, os principais insumos que provocaram a alta no valor da passagem foram custos com: pneus e rodagem, que subiram 20,57%; setor pessoal (salário), que avançaram 10%; cesta básica (15%); vale refeição (9,09%) e plano de saúde (29,52%), além do combustível, que ficou 9,44% mais caro.  

A Etufor também informou que a renovação da frota de veículos para oferecer ar-condicionado e wi-fi para os passageiros também pesou no reajuste das passagens. Conforme a Prefeitura, mesmo com a alta, Fortaleza segue tendo a tarifa de ônibus mais barata entre todas as cidades brasileiras com mais de 2 milhões de habitantes.

 
Passagens de ônibus
Create your own infographics

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.