Sem atendimento

Pacientes estão há 8 meses em fila de espera, aguardando cirurgia bariátrica no Hospital César Cals

Nesta sexta-feira (18), mais de 50 pessoas fizeram um protesto no hospital, pedindo a normalização dos procedimentos

Foto: Saulo Roberto
19:50 · 18.05.2018 / atualizado às 20:03

Há cerca de 8 meses, os pacientes do Hospital César Cals estão sem cirurgias bariátricas por falta de material cirúrgico, denuncia a auxiliar de serviços gerais Liliane Mendes. Nesta sexta-feira (18), mais de 50 pessoas fizeram um protesto em frente ao hospital, pedindo a normalização dos procedimentos. 

"Desde março que a gente vem denunciando essa situação. Por isso, nós fizemos o protesto para dar uma 'acordada' nos órgãos competentes", comenta Liliane.

Ela é pós-operada, mas tem participado dos movimentos junto com as pessoas que estão na fila para fazer a cirurgia. Segundo ela, são 200 pessoas aguardando o procedimento cirúrgico e 64 pacientes que já deveriam ter sido operados. 

"Eu estou nessa luta porque existem muitas pessoas que estão precisando de cirurgia, que são do interior do Estado. Temos pacientes com mais de 200 kg e a minha luta é uma luta pelo bem geral", afirma a auxiliar de serviços gerais. 

Ela explica que as pessoas passam por duas filas para serem operadas. "Primeiro, é a fila de contemplação para fazer a cirurgia. Depois, o Estado manda, toda sexta-feira, quatro pacientes para se consultar com um cirurgião, que encaminha o paciente para nove especialistas. Cada um desses médicos passa exames para cada especialidade. Depois, o paciente volta para o cirurgião e, se estiver tudo certo, a pessoa entra no livro, que é a segunda fila para a cirurgia", comenta.

Resposta da Sesa

Em nota, a Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (Sesa) informou que a realização de cirurgias bariátricas já foi retomada esta semana, mas não falou se há materiais suficientes para a normalização dos procedimentos a longo prazo. 

Confira a nota completa: 

A Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) informa que a realização de cirurgias bariátricas no Hospital Geral César Cals (HGCC) foi retomada, com a realização de dois procedimentos nesta semana. O hospital, referência da rede pública do Governo do Ceará nessa especialidade, já realizou 851 cirurgias bariátricas. 

Os pacientes são admitidos para atendimento na Unidade de Cirurgia Bariátrica do HGCC conforme avaliação do perfil e condições clínicas, cujo procedimento é realizado em diferentes etapas de acompanhamento pela equipe multiprofissional do hospital, formada por psicólogo, médicos, fisioterapeutas, assistente social, fonoaudiólogo, nutricionista, enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.