Sana 2018

Grupos de K-Pop competem com covers no Cine São Luiz

Ao todo, 15 grupos selecionados competirão no fim do mês pelo primeiro prêmio, que vai faturar, R$ 1.300

As competições de K-Pop só vêm aumentado no Sana. Elas têm destaque no evento desde 2012 ( Foto: Fabiane de Paula )
18:09 · 07.07.2018 / atualizado às 18:53

Trinta grupos interessados em participar do concurso K-pop Cover, que acontecerá nos dias 28 e 29 de julho no Sana 2018, se apresentaram neste sábado (7), no Cineteatro São Luiz, na segunda etapa do processo. 

A primeira etapa aconteceu no Cuca Jangurussu e classificou cinco outros grupos. Na etapa de hoje, dez passaram para a próxima fase, que consiste em apresentações durante o evento. 

Ao todo, os 15 grupos competirão no fim do mês pelo primeiro prêmio, que vai faturar, R$ 1.300. Essa é a uma das duas competições de K-Pop do Sana, a primeria é a WCS, de grupos mais profissionais e que serão analisados por jurados da própria Coreia do Sul.

O coordenador-geral do Sana explica que o K-Pop é uma das nuances do evento. "Pelo menos desde 2012 damos importância a esse segmento, que vem crescendo muito. Hoje é um aspecto fundamental do evento em si, como o cosplay", destaca.

O K-Pop, segundo a organizadora do segmento no Sana, Jany Caetano, é atualmente não só um estilo musical, mas de vida. "Esses meninos acordam e já vão ver o que os ídolos fizeram no dia. É bonito e com a competição, valorizamos o que eles fazem com o corpo", frisa.

Breno Jorge participou, com o grupo Codes, da competição fazendo cover do grupo Vixx. Depois, apresentou um número de Shinee, apenas por amor à dança. "Conheci há 4 anos o mundo do K-Pop e hoje não consigo me ver fora", revela.

A apresentação, como garante Kessia Lourdes, é sobretudo para divulgar os grupos. O dela, dandelion. Quatro das onze integrantes fizeram cover de DDU-DU DDU-DU, de blackpink. 

O korean pop tem suas raízes na Coréia do Sul e se caracteriza por uma grande variedade de elementos audiovisuais que unem música e dança em suas criativas apresentações. 

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.