Ceará 2050

Governo quer que municípios colaborem com planejamento estadual para 2050

Relevância do tema foi debatido no 6º Seminário Prefeitos Ceará 2018

Foto: Natinho Rodrigues
20:58 · 05.06.2018 / atualizado às 21:20
Prefeito de Morrinhos, Carlos Bruno. Foto: Natinho Rodrigues

Planejamento estratégico com o objetivo de modernizar o Estado, o Ceará 2050 deve ser finalizado até o fim do ano. Para isso, o Governo do Estado quer que os municípios cearenses se envolvam ainda mais nas discussões que pensam o Ceará no futuro. 

Esta questão foi debatida no 6º Seminário Prefeitos Ceará 2018, que finalizou na tarde desta terça-feira (5) no Centro de Eventos, e reuniu diversos gestores municipais. O evento é promovido pelo Diário do Nordeste e realizado pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-CE) e pela Associação dos Prefeitos do Estado do Ceará (Aprece). 

O secretário de Planejamento e Gestão do Governo do Estado do Ceará, Maia Júnior, afirmou que a ideia do planejamento é ir além dos quatro anos de um pleito. "Precisa-se dar continuidade a ações, sobretudo estruturantes, e daí é necessário o planejamento estratégico num pacto entre a sociedade, os atores políticos e os governos municipais. Em apenas quatro anos, não dá para fazer todas as transformações desejadas”, destacou Maia. 

Para o prefeito de Morrinhos, Carlos Bruno, a questão do planejamento vai ajudar na melhora dos serviços promovidos pelo Executivo municipal. "Dá uma vontade de reunir nossa equipe e trabalhar o futuro do Município, nessa questão de buscar as informações das pessoas, da comunidade, saber aonde as pessoas querem chegar, o que elas estão sentindo e como estão sendo atendidas pela Prefeitura. São questionamentos que eu quero fazer à população para podermos pensar o futuro junto e comunitário”.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.