Navio-Patrulha Oceânico APA

Estudantes de Quiterianópolis visitam navio da Marinha atracado em Fortaleza

Convite foi feito pela Marinha Brasileira, após homenagem realizada pela Escola de Ensino Infantil e Fundamental Anízio Frota à instituição em junho deste ano.

13:29 · 18.08.2018 / atualizado às 14:39
navio
Alunos cursam do 4º ao 9º ano e foram escolhidos para conhecer instalações da Marinha no Ceará e embarcação. ( Foto: Rodrigo Gadelha )

Para quem sempre viveu a centenas de quilômetros de distância do litoral, ver o mar, conhecer o porto e adentrar uma embarcação, tudo pela primeira vez, é, na verdade, descobrir um novo mundo. Esse foi o sentimento de 47 alunos da Escola de Ensino Infantil e Fundamental Anízio Frota, do município Quiterianópolis, ao visitarem, na manhã deste sábado (18), o Navio-Patrulha Oceânico APA, atracado desde quarta-feira (15) em Fortaleza. 

Neste fim de semana, os estudantes viajaram até a Capital para conhecer as instalações da Marinha Brasileira e do navio, um dos responsáveis pela guarda da costa brasileira. O convite partiu da própria instituição, depois que um vídeo no qual os alunos cantam o hino oficial da Marinha, a canção "Cisne Branco", chegou ao conhecimento da Capitania dos Portos do Ceará.

"Do lado da nossa escola, existe uma reserva ambiental que leva o nome de um almirante da Marinha. Como trabalhamos as datas comemorativas, resolvemos juntar isso à data magna da Marinha, no dia 11 de junho, e fizemos essa homenagem. O vídeo teve uma repercussão enorme e comoveu a Marinha. Quando recebemos o convite, nem acreditamos. É algo magnifíco, sem explicação", afirma a diretora da escola, Emiliana Shirley. 

À frente da Capitania dos Portos do Ceará, o capitão de mar e guerra Madson Cardoso Santana explica que a visita ao porto e à embarcação foi a oportunidade encontrada para que a Marinha divulgasse seu trabalho e promovesse um fim de semana de lazer aos estudantes. "Ficamos bastante sensibilizados, porque eles estão distantes do litoral, a mais de 400 km da Capital, e muitos não conheciam mar. Com isso, eles podem aprender sobre a importância do mar e contexto em que Marinha se insere", destaca. 

Antes de participar da homenagem à instituição, a estudante Cauane Cavalcante, de 14 anos, conhecia a Marinha apenas por filmes. Pesquisando e, agora, visitando as instalações, ela se diz "apaixonada" pela história da força armada. "Achei muito interessante a responsabilidade deles. Eles cumprem os horários, são bem disciplinados", diz. "Todo mundo ficou muito feliz com o convite. É uma grande oportunidade", acrescenta. 

Os alunos estão hospedados na Escola de Aprendizes-Marinheiros do Ceará, onde também assistirão a palestras sobre como entrar nas Forças Armadas. Depois do passeio, muitos estudantes já consideram a carreira de marinheiro para o futuro. "É um trabalho muito importante, de proteger o mar. Despertou meu interesse em saber como participar", destacou a estudante Laiane Lira, de 14 anos. 

Visitação

Entre sábado (18) e domingo (19), das 13h30 às 17h30, o Navio-Patrulha Oceânico ficará aberto para visitação do público. O navio, que possui uma aeronave militar embarcada, foi incorporado à frota da Marinha Brasileira há 6 anos e tem como missão realizar a patrulha da costa. Depois de Fortaleza, o próximo destino da embarcação será a cidade de Cartagena, na Colômbia, onde deverá se reunir a outros navios para promover exercícios e operações de simulação de guerra. A visitação é gratuita. 

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.