R$ 86 milhões

Estação João Felipe será restaurada para abrigar complexo de artes no Centro de Fortaleza

Área vai abrigar a Pinacoteca do Estado, o Mercado de Gastronomia, o Mercado das Artes, a nova sede da Secult e do IPHAN

Foto: Reprodução
20:54 · 05.07.2018 / atualizado às 21:12
Foto: Carlos Gibaja/ Governo do Estado

Após reparo e intervenções arquitetônicas, a estação de trem João Felipe e o entorno da estrutura, no Centro de Fortaleza, vão se transformar em um complexo criativo, turístico e de entretenimento, com um investimento de cerca de R$ 86 milhões. Em parceria com a Prefeitura de Fortaleza, o Governo do Estado apresentou, nesta quinta-feira (5), o projeto do novo empreendimento, que foi denominado de Estação das Artes Belchior

Visando a requalificação urbana do centro da cidade, o fortalecimento da economia criativa e o desenvolvimento cultural, a Estação das Artes vai abrigar uma ampla estrutura, com a Pinacoteca do Estado, o Mercado de Gastronomia e Cultura Alimentar, o Mercado das Artes, a nova sede da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult) e do Instituto Nacional do Patrimônio Histórico e Artístico (IPHAN), além de espaços para residências artísticas.

Além da estação João Felipe, o complexo cultural vai contar com os setes galpões da antiga Rede Ferroviária Federal e a Praça da Estação, que será revitalizada. O Governo divulgou que o espaço ocupará uma área de 52 mil metros quadrados, sendo 7.700 m² de área verde. O processo de licitação para a obra será aberto ainda neste mês. 

estacao

"A ideia surgiu a partir de um grande patrimônio arquitetônico do Centro, nossa antiga e bela estação ferroviária. Havia a ideia também de criar uma pinacoteca. É uma forma de aproveitar o nosso Centro da cidade. Será um espaço para a cultura, para o povo cearense. O projeto de requalificação valoriza as artes, a gastronomia, vamos integrar com a escola de hotelaria. A Secretaria da Cultura ficará responsável por conversar com a população, com os artistas, sobre o uso dele", disse o governador Camilo Santana no evento de lançamento. 

O governo acredita que o local tem potencialidade para fortalecer o turismo na cidade. De acordo com a gestão, a Estação das Artes poderá ser um ponto de saída e de chegada de roteiros turísticos, já que se encontra em um local estratégico, próximo ao Centro de Fortaleza e à Praia de Iracema e Avenida Beira-Mar. 

Confira mais informações sobre as funcionalidades do complexo: 

A Pinacoteca do Estado

Reunião do acervo de artes visuais pertencentes ao Estado, com amplas áreas de exposição, espaços para restauro de obras, realização de cursos e reserva técnica.

O Mercado de Gastronomia e Cultura Alimentar

Espaço para restaurantes, cozinhas experimentais, escola de gastronomia e espaços de venda de produtos produzidos no local e oriundos das demais regiões do Estado.

Mercado das Artes

Ambiente de negócios criativos com oficinas de produção artística e de design, lojas de produtos e serviços artísticos e culturais e espaços de incubação e promoção da economia da cultura.

Praça revitalizada

Passará a ter espaços e estrutura para apresentações artísticas e demais manifestações culturais propondo sua ressignificação para a população da cidade.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.