Fundo Estadual

Edital do Ceará Natal de Luz distribui quase R$ 900 mil para fomento cultural

Inscrições abrem no dia 15 de setembro deste ano e seguem até 1º de outubro

21:01 · 22.08.2018 / atualizado às 21:13
Natal de Luz
São seis categorias diferentes aptas a serem premiadas para o desenvolvimento de atividades relacionadas ao período festivo ( Foto: Natinho Rodrigues )

O Edital da 15ª edição do Ceará Natal de Luz, que ocorre neste ano, foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quarta-feira (22) e deve distribuir aos vencedores do certame R$ 899.632,00.

Por meio da concessão do apoio financeiro, a Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult) pretende garantir a realização de projetos voltados para a área artística, a circulação de grupos e a difusão das manifestações culturais regionais do ciclo natalino.

São seis categorias diferentes aptas a serem premiadas para o desenvolvimento de atividades relacionadas ao período festivo. Sendo elas: Grupo de Tradição Natalina, Grupo de Projeção (Parafolclórico) do Ciclo Natalino, Presépio, Coral, Mostra Regional Natalina e XIII Mostra Estadual Ceará Natal de Luz. 

Inscrições

Os proponentes dos serviços acima deverão apresentar apenas uma proposta para o Edital, cujas inscrições serão abertas no dia 15 de setembro deste ano e seguem até 1º de outubro. A habilitação das inscrições será feita entre 2 de outubro e o dia 15 do mesmo mês. O período de análise e seleção das propostas, por sua vez, ocorrerá entre 16 e 30 de outubro. 

Frutos do Fundo Estadual da Cultura (FEC) - que garante o financiamento de 80% de todo o serviço -, serão distribuídos valores conforme os projetos abaixo listados:

- 16 Grupos de Tradição Natalina dividirão R$ 285.088,00;

- 8 Grupos de Projeção (Parafolclóricos) do Ciclo Natalino dividirão R$ 142.544,00;

- 4 Proponentes de Presépio dividirão R$ 16 mil;

- 4 Corais dividirão R$ 16 mil;

- 14 Mostras Regionais Natalinas dividirão R$ 266 mil;

- 1 Mostra Estadual receberá R$ 174 mil.

O Edital ainda lembra 50% de todos os recursos previstos para distribuição devem ser destinados a propostas do interior do Estado, conforme a Lei 13.811/2006.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.