No bairro Ancuri

Criança morre após cair em fossa de escola

Outras duas crianças foram resgatadas com ferimentos leves

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a menina prendeu o braço no anel da fossa e ficou submersa por muito tempo ( Foto: Natinho Rodrigues )
12:18 · 23.05.2018 / atualizado às 16:18
3 crianças caíram, mas, infelizmente, uma, de 4 anos, morreu ( Foto: Nicolas Paulino )

Uma criança morreu duas ficaram feridas após o chão de uma escola municipal ceder, no bairro Ancuri. O incidente aconteceu por volta das 9h desta quarta-feira (23), no Centro de Educação Infantil Professora Laís de Souza Viera Nobre.

Segundo informações apuradas no local do acidente, as três crianças brincavam nos fundos da escola, onde fica localizada a fossa do imóvel. Em determinado momento, o chão cedeu e as três crianças caíram na fossa da instituição de ensino. Duas delas foram resgatadas com ferimentos leves e atendidas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

De acordo com o Corpo de Bombeiros, Hannah Évelyn de Andrade Laranjeira, prendeu o braço no anel da fossa e ficou submersa por muito tempo. A criança de apenas 4 anos não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

A Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) recolheu o corpo da criança por volta das 12h30.

Prefeitura

Em nota, a Prefeitura de Fortaleza esclarece que já determinou a apuração do fato internamente e que está acompanhando as investigações periciais e policiais. Ao mesmo tempo, lamenta profundamente o ocorrido e se solidariza com a dor da família. Considera essa uma tragédia inaceitável, que merece a mais rigorosa apuração. 

Em coletiva de imprensa realizada na tarde desta quarta-feira (23), o prefeito Roberto Cláudio afirmou que uma portaria será aberta ainda hoje, para investigar as circunstâncias do acidente na escola do Ancuri. 
 
"Vamos garantir segurança onde há risco estrutural, vamos deixar que os órgãos técnicos possam dar clareza ao que realmente aconteceu e com esse diagnóstico tornar público o que aconteceu", comentou Roberto Cláudio.
 
O prefeito também afirmou que agentes de saúde foram disponibilizados para atender aos alunos e familiares da escola.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.