DIA DE CONSCIENTIZAÇÃO

Camilo sanciona Dia de Combate ao Assédio no Transporte Público

A data, instituída em 10 de outubro, compõe agora o Calendário Oficial do Estado do Ceará

10:32 · 23.05.2018 / atualizado às 10:38
onibus
Cerca de 22% das brasileiras já foi vítima de assédio no transporte público ( Foto: Helene Santos )

Nesta segunda-feira (21), o governador do Ceará, Camilo Santana, oficializou, na Lei Nº 16.554 , a instituição do Dia de Combate e Conscientização contra o Assédio nos Transportes Coletivos. A data será celebrada anualmente no dia 10 de outubro e compõe o Calendário Oficial do Estado do Ceará. Segundo pesquisa do Datafolha, divulgada em janeiro de 2018, 42% das mulheres com 16 anos ou mais já foi vítima de assédio sexual no Brasil. De acordo com a pesquisa, as formas mais comuns são o assédio nas ruas e no transporte público. Um total de 22% das mulheres relata ter sido assediada física ou verbalmente em ônibus, metrôs, trens, VLTs ou outros modais. 

Campanha 

Em novembro de 2017, o Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), em parceria com a Coordenadoria Especial de Políticas Públicas para as Mulheres, o Sindiônibus e mais de 20 entidades, iniciaram uma campanha contra o abuso sexual no transporte público.  

Entre diferentes iniciativas, cartazes espalhados por toda a frota de ônibus, outdoors e material alusivo à campanha foram distribuídos pela cidade com o objetivo de conscientizar, mas também informar e incentivar a denúncia das vítimas desse tipo de crime. 

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.