Previsão

Baixa umidade relativa do ar e forte incidência de raios UV marcam o fim de semana no Ceará

Funceme e Inpe divulgam previsões. Sugestão é de cuidados redobrados com a pele

10:36 · 01.07.2018 / atualizado às 13:07

A costumeira saída para aproveitar o domingo de sol na Capital deve receber atenção redobrada neste fim de semana. Segundo dados da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), imagens de satélite apontam pouca nebulosidade sobre o Ceará neste período. A taxa referente à umidade relativa do ar deve ficar abaixo dos 30% e a previsão é que esse valor volte a subir apenas na noite de amanhã (2), indicando, até lá, tempo seco.

Por sua vez, o  Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) aponta outro dado importante, referente ao Índice Ultravioleta (IUV) – medida da intensidade da radiação UV, relevante aos efeitos sobre a pele humana, incidente sobre a superfície da Terra – calculado para Fortaleza neste fim de semana. A porcentagem está em 13%, enquadrado na categoria “Extremo”.

Conforme afirma a dermatologista Maggy Helmut, precauções devem ser tomadas em quadros como esse para evitar problemas na pele. Uma delas é a atenção com a exposição solar, que deve ser evitada entre 10h e 15h

Além disso, indica-se que a aplicação do protetor solar aconteça meia hora antes de se expôr ao sol e, depois disso, a cada duas horas, ou assim que sair do banho de mar ou de piscina. A sugestão é que o produto tenha Fator de Proteção (FPS) 30, no mínimo, com especial atenção em áreas como as orelhas, o pescoço e o dorso dos pés, que geralmente recebem menos aplicação. 

Abusar do uso complementar de materiais que ajudam a driblar a incidência de raios UV na pele também é sempre bem-vindo. Bonés e chapéus com aba longa, óculos escuros e hidratação constante estão entre eles.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.